Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

A 40 dias do Réveillon, hotéis têm número de reservas maior do que em 2019

Pesquisa do HotéisRIO mostra que ocupação para a virada do ano está em 78%. Há dois anos, antes da pandemia, este índice foi alcançado duas semanas depois

Por Da Redação 23 nov 2021, 09h54

A 40 dias do Réveillon, 78% de reservas hoteleiras feitas por turistas interessados em para passar a festa da virada no Rio estão confirmadas. É o que aponta a primeira prévia de ocupação hoteleira para a temporada, divulgada nesta segunda-feira (22) pelo Sindicato dos Meios de Hospedagem do Município do Rio de Janeiro (HotéisRIO). O índice não apenas é bem bem acima dos 58% registrados no mesmo período do ano passado, mas também é superior ao de 2019, antes da pandemia, quando este mesmo percentual, beirando os 80%, só foi registrado duas semanas mais tarde, já em meados de dezembro.

+ Com a chegada da alta estação, turismo pode fazer o Rio decolar novamente

Vamos chegar a 100% na maioria dos hotéis, os números apontam para isso. Estamos mais do que preparados em termos de protocolos para operar com ocupação completa com toda a segurança para nossos hóspedes, agora com calendário vacinal completo e reforçado”, acredita Alfredo Lopes, presidente do HotéisRIO.

Com perfil familiar, as já tradicionais festas privativas nos hotéis – desde que os estabelecimentos passaram a investir na festa da virada,inclusive com fogos de artifício disparados das coberturas, há uma década -, a Barra da Tijuca lidera a procura, com 86% dos quartos já vendidos para a data. A queima de fogos deste ano, aliás, está confirmada e já em fase final de organização, segundo Alfredo Lopes.

+ É bicampeão: Rio recebe World Travel Awards de melhor destino para esporte pela segunda vez

Continua após a publicidade

Compondo outra região com perfil de procura mais familiar, Flamengo e Botafogo ocupam o segundo lugar no ranking dos mais procurados (82%), seguidos por Copacabana/Leme (75%) e Ipanema/Leblon e Centro (73%).

A festa da virada funcionará para o receptivo turístico como um open house para o que vem sendo chamado pelo trade turístico como o verão da retomada. A expectativa é a de que, com incentivos como o retorno parcial dos voos internacionais, o Rio de Janeiro volte a ser uma Meca do turismo nesta temporada e ganhe mais espaço na imprensa internacional. Pensando nisto, HotéisRIO assinou um convênio para abrigar, em sua sede, um escritório da Associação dos Correspondentes de Imprensa Estrangeira no Brasil (ACIE). Assim, os jornalistas estrangeiros que vierem cobrir o evento no Brasil ganharam uma nova base em terras cariocas. A parceria busca aproximar ainda mais a imprensa desta importante fonte de informações do setor e ampliar a cobertura do destino fluminense na imprensa internacional.

+ Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

“Somos os olhos do Brasil para o mundo, e o Rio é a porta de entrada para o continente. Estamos muito felizes com esta parceria que, sem dúvida, ampliará a vitrine do Rio de Janeiro mundo afora”, comemorou Edmar Figueiredo, primeiro presidente brasileiro a chefiar o trabalho da associação.

A ACIE é uma instituição de jornalistas internacionais, sem fins lucrativos, baseada no Rio de Janeiro desde 1962. Ao todo, são mais de 110 profissionais de jornais, emissoras de televisão, agências de notícias internacionais, rádios e websites atuando no Brasil. Nosso país lidera a América Latina com o maior número de correspondentes estrangeiros.

Continua após a publicidade

Publicidade