Clique e assine por apenas 4,90/mês

PMs de UPPs terão menos folgas para reforçar efetivo na Rocinha

Policiais que hoje trabalham 24h seguidas e folgam por 72h perderão um dia de folga, por exemplo

Por Redação Veja Rio - 27 set 2017, 18h12
PMERJ/Divulgação

A Polícia Militar alterou nesta terça (27) a escala do seu efetivo para reforçar o policiamento da favela da Rocinha. A diminuição do número de folgas e o aumento da carga horária dos agentes são algumas da mudanças anunciadas.

Policiais que hoje trabalham 24h seguidas e folgam por 72h perderão um dia de folga, por exemplo. O comando da PM afirmou que as alterações já estavam programadas e foram apenas aceleradas por conta da guerra entre criminosos na favela da Zona Sul do Rio.

As novidades geraram insatisfação entre os agentes. Muitos lembraram o decreto 43.358, de 2012, que define em 144 horas mensais o limite de turnos adicionais para policiais civis, militares, bombeiros e agentes penitenciários que estiverem trabalhando em turno de escala.

Publicidade