Clique e assine por apenas 4,90/mês

Pezão é disgnosticado com linfoma não-Hodgkin

Com câncer raro, o governador do Rio anuncia licença de 30 dias

Por Redação VEJA RIO - Atualizado em 5 dez 2016, 11h24 - Publicado em 24 mar 2016, 15h04

O governador do Rio, Luiz Fernando Pezão, foi diagnosticado nesta quinta (24) com um tipo de câncer denominado linfoma não-hodgkin, localizado no tecido ósseo, conforme informou a equipe médica que acompanha o caso. O tratamento quimioterápico terá início nesta sexta (25), após um período de hidratação e inserção de um catéter sob a clavícula.

“Mais de 70% dos pacientes ficam curados com o tratamento administrado dessa forma”, afirmou o oncologista.

Pezão adiantou que deve se licenciar nos primeiros 30 dias.

“Tenho plena confiança de que vamos vencer essa dificuldade. Vou lidar com esse tratamento da melhor forma e com a maior transparência possível. Vou encarar com muita determinação e firmeza. Sei que tem coisas piores na vida”, acrescentou o governador.

Publicidade