Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Do Península para Benfica: ex-secretário de educação é levado para Bangu

Pedro Fernandes estava em prisão domiciliar desde o dia 11 de setembro

Por Agência Brasil 30 set 2020, 18h59

O ex-secretário de estado de Educação do Rio de Janeiro Pedro Fernandes foi transferido nesta quarta (30) para o sistema prisional. A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) confirmou que ele ingressou no presídio José Frederico Marques, em Benfica.

+Quase 90% dos moradores de favelas conhecem alguém que já teve covid-19 

Fernandes foi preso no dia 11, em um desdobramento da Operação Catarata, de 2019, mas apresentou exame de teste positivo para a covid-19 e ficou em prisão domiciliar. Ele é suspeito de envolvimento em esquema de desvios de recursos públicos em contratos da área de assistência social no estado e no município do Rio de Janeiro, entre 2013 e 2018. Também foi presa na operação do dia 11 a ex-deputada federal Cristiane Brasil.

+Descubra onde vacinar seu cão contra raiva. Campanha começa quinta (1º) 

O pedido de transferência de Pedro Fernandes para o sistema prisional foi feito nesta terça (29) pelo Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ).

+Pesquisa mostra que quase 40% das plantas estão ameaçadas de extinção 

A investigação aponta para fraudes na Fundação Leão XIII, entidade estadual voltada para o atendimento a populações de baixa renda e moradores de rua do Rio de Janeiro, e nas secretarias municipais de Envelhecimento Saudável e Qualidade de Vida e de Proteção à Pessoa com Deficiência do Rio de Janeiro.

+Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui

Continua após a publicidade
Publicidade