Clique e assine por apenas 7,90/mês

Oskar Metsavaht desabafa sobre destruição deixada pelo Carnaval

A folia deixou os canteiros das dunas de Ipanema completamente devastados. Mudas foram plantadas desde 2009 através do Instituto-E, de Metsavaht

Por Redação VEJA RIO - 16 fev 2018, 12h59

O Carnaval foi só tristeza para o estilista Oskar Metsavaht, que comanda, além da grife Osklen, o Instituto-E de sustentabilidade. Nesta quinta (15), ele fez um desabafo em seu perfil no Instagram uma vez que a folia deixou os canteiros das dunas de Ipanema completamente devastados. “9 anos de dedicação minha e da equipe do Instituto-E, centenas de milhares de reais da osklen e da havaianas, centenas de crianças da escolas públicas no plantio como educação ambiental, civilidade e inclusão. E daí vem os “blocos de carnaval” com patrocínios de cerveja, etcs que sob o pano de ‘liberdade da cultura carnavalesca’ destroem um bem á sociedade”.

Desde 2009, 40 000 mudas foram plantadas em mais de 10 000 metros quadrados de canteiros por mais de 2 000 crianças inseridas no projeto de educação ambiental. A seguir, o post completo:

View this post on Instagram

9 anos de dedicação minha e da equipe do Instituto-E, centenas de milhares de reais da osklen e da havaianas, centenas de crianças da escolas públicas no plantio como educação ambiental, civilidade e inclusão. E daí vem os “blocos de carnaval” com patrocínios de cerveja, etcs que sob o pano de “liberdade da cultura carnavalesca” destroem um bem á sociedade. Todos nós, cariocas e visitantes somos responsáveis por este desrespeito. Espero realmente que a um chamado para a recuperação das dunas, todos contribuam de alguma forma com o replantio. Que seja como as crianças plantando as mudas ou contribuindo sob doações, como faço desde o início. @institutoe #revivadunasipanema

Publicidade

A post shared by Oskar Metsavaht (@oskarmetsavaht) on

Publicidade