Clique e assine por apenas 4,90/mês

Orlando Diniz deixa a presidência da Fecomércio-RJ

Entidade recebeu nesta segunda (12) a carta de renúncia do empresário, afastado do cargo depois de ser preso pela Operação Lava-Jato

Por Daniela Pessoa - Atualizado em 12 mar 2018, 19h29 - Publicado em 12 mar 2018, 17h16

A Federação do Comércio do Estado do Rio de Janeiro (Fecomércio-RJ) recebeu nesta segunda (12) a carta de renúncia de Orlando Santos Diniz à sua candidatura ao cargo de Presidente da Entidade, bem como o seu afastamento do atual cargo de Presidente. Preso no mês passado pela Operação Lava-Jato, acusado de desviar dinheiro do Sesc e do Senac-RJ, o empresário atuava no comando da entidade desde o início dos anos 2000.

O empresário Antonio Florencio de Queiroz Junior, que assumiu a presidência interina da Fecomércio-RJ no dia 26 de fevereiro, de acordo com o estatuto que prevê a sucessão automática pelo 1° vice-presidente em caso de vacância da Presidência, se mantém no cargo até as próximas eleições.

Publicidade