Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Covid-19: Prefeitura veta áreas de lazer e proíbe estacionamento na orla

Medidas foram anunciadas nesta quinta (10), para conter o contágio do novo coronavírus; praias seguem liberadas na cidade

Por Bruna Motta 10 dez 2020, 20h18

A Prefeitura do Rio anunciou nesta quinta (10) uma série de medidas para tentar conter o avanço do contágio do coronavírus na cidade. A cidade registrou o terceiro dia seguido com mais de 100 mortes causadas pela Covid-19 e, segundo a assessoria do prefeito Marcelo Crivella, as decisões foram tomadas em conjunto com o governador em exercício, Cláudio Castro.

Covid-19: Fiocruz alerta para colapso na saúde após festas de fim de ano

As praias seguem liberadas, mas as áreas de lazer nas orlas de Copacabana, Ipanema e Leblon e no Aterro do Flamengo, aos domingos e feriados, serão suspensas. Algumas das medidas anunciadas nesta quinta, como a proibição de estacionamento na orla, já tinham sido tomadas em outros momentos da pandemia. 

+Covid-19: Rio registra quase 3 340 novos casos da doença 

Seguem abaixo as medidas de segurança anunciadas (não foi informado a partir de quando elas entram em vigor):

Escalonamento dos horários de funcionamento da indústria (a partir das 7h); dos serviços (a partir das 9h); e do comércio (a partir das 11h), para evitar aglomeração nos transportes públicos;

Continua após a publicidade

Proibição de estacionamento na orla nos fins de semana e feriados;

Cancelamento das áreas de lazer nas orlas de Copacabana, Ipanema e Leblon e no Aterro do Flamengo aos domingos e feriados (as pistas, portanto, não serão fechadas ao trânsito de veículos);

Proibição do uso de áreas comuns de lazer em condomínios, onde não são usadas máscaras, como saunas e piscinas;

Permissão para shoppings e Centros Comerciais ficarem abertos 24 horas, para evitar aglomerações nos meios de transporte.

+Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui  

 

Continua após a publicidade
Publicidade