Clique e assine por apenas 4,90/mês

Mochila com suspeita de bomba suspende circulação do VLT

Veículo ficou parado por duas horas nesta terça (2), mas segundo a Polícia Federal era alarme falso

Por Redação VEJA RIO - Atualizado em 5 dez 2016, 11h10 - Publicado em 2 ago 2016, 14h56

Nesta terça (2), após mais de duas horas de interrupção do Veiculo Leve Sobre Trilhos (VLT) na altura da parada do Aeroporto Santos Dumont, no Centro, a Polícia Federal constatou que não havia bomba em uma mochila deixada dentro do VLT.  

+ Segurança para os Jogos terá 88 mil agentes

Para a operação, a polícia usou um robô. O veículo teve a circulação interrompida às 10h50 desta terça (2), de acordo com a concessionária, que afirmou ainda que o VLT voltaria a circular por volta das 13h20.

De acordo com a concessionária, a circulação ocorria somente entre o trecho da Rodoviária e a Cinelândia. O aeroporto, entretanto, operava normalmente para pousos e decolagens até o início desta tarde.

Continua após a publicidade
Publicidade