Clique e assine por apenas 7,90/mês

Exportações do Rio crescem em 2017

O crescimento foi de 41% entre janeiro e outubro, com destaque para a industria petroleira, que faturou U$12 bilhões e cresceu 75% neste período

Por Redação VEJA RIO - Atualizado em 28 dez 2017, 14h42 - Publicado em 28 dez 2017, 14h39

Entre Janeiro e Outubro, as exportações do Rio chegaram a R$19 bilhões. O valor é maior do que obtido pelo estado em todo o ano de 2016. O aumento das vendas para fora do país são resultado do encolhimento do mercado interno e da elevação cambial, que tornam os negócios mais lucrativos no exterior.

De acordo com a Firjan, as exportações brasileiras aumentaram 20% neste período, mas no Rio o crescimento foi de 41%. 
A indústria petroleira faturou U$ 12 bilhões e cresceu 75%, impulsionada pelo crescimento da China, maior comprador do setor. Já a automobilística arrecadou R$ 1 bilhão e aumentou 59% as exportações.

A melhora dos índices econômicos se refletem no emprego. Pela primeira vez desde 2015, o Rio obteve saldo positivo de geração de emprego em novembro. O estado foi o único que criou mais de 3 mil postos de trabalho formais com carteira assinada, de acordo com o Ministério do Trabalho.

Nenhum outro estado teve resultado positivo no mês, ainda segundo o ministério do Trabalho. O setor do comércio foi o que mais contribuiu, com nove mil contratações.

Publicidade