Clique e assine por apenas 4,90/mês

Estação Antero de Quental é apresentada

Remodelada, a praça homônima, no Leblon, será aberta ao público neste sábado (16)

Por Redação VEJA RIO - Atualizado em 2 jun 2017, 12h03 - Publicado em 15 jul 2016, 17h37

Apresentada nesta sexta (15) pelo secretário estadual de Transportes, Rodrigo Vieira, a estação Antero de Quental da Linha 4 do metrô, no Leblon, na Zona Sul, terá dois acessos na praça: um na altura da Bartolomeu Mitre, e o outro, na General Urquiza, ambos nas esquinas com a avenida Ataulfo de Paiva, e vai atender cerca de 35 000 pessoas por dia. Os moradores, que já vibram com a nova cena do bairro, terão de volta neste sábado (16) a Praça Antero de Quental, totalmente remodelada, com direito a novo projeto paisagístico, árvores replantadas, ipê roxo, brinquedos de madeira no parque infantil, dentre outras novidades.

FIT_206_024A9097
FIT_206_024A9097

Da estação Antero de Quental ao Jardim Oceânico, na Barra, na Zona Oeste, o tempo de viagem será de pouco mais de nove minutos. Quem sair do Leblon em direção ao Centro gastará 23 minutos.

Com o término da fase de testes, nesta sexta (15), começará a fase de treinamento de pessoal, dos pilotos, que se estende até o próximo dia 31, sem passageiros. A partir de 1º de agosto, os usuários relacionados aos Jogos já poderão começar a usar a Linha 4. A população em geral poderá usar o serviço no dia seguinte ao término da Paralimpíada.

METRÔ LEBLON
METRÔ LEBLON

A partir deste sábado (16),  as ruas do Leblon que estavam interditadas por causa das obras da Linha 4 do metrô vão ser liberadas. Entre elas, a Avenida Ataulfo de Paiva e a Avenida Borges de Medeiros, entre a Lagoa e a Avenida Delfim Moreira. Além disso, as ruas de Ipanema e Leblon que estavam com o sentido invertido também voltarão ao normal. 

A estação Jardim de Alah deve ser entregue no próximo dia 25.

FIT_193_024A9172
FIT_193_024A9172
Publicidade