Clique e assine por apenas 7,90/mês

CCBB oferece jogos para portadores de necessidades especiais

Jogos, objetos tridimensionais e outros recursos sensoriais são oferecidos em horários e dias que precisam ser agendados

Por Rafael Sento Sé - Atualizado em 2 fev 2018, 09h50 - Publicado em 2 fev 2018, 09h49

O programa educativo da exposição Ex Africa, em cartaz no CCBB, levou a sério a filosofia expressa pela palavra ubuntu, adotada pelas etnias zulu e xhosa para exprimir algo como “eu sou porque nós somos”. O senso de coletividade é ampliado, durante a temporada da exposição, através de visitas mediadas que abrem a fruição do acervo de arte africana contemporânea a autistas, portadores de síndrome de Down e deficiências auditiva, visual ou intelectual. Jogos, objetos tridimensionais e outros recursos sensoriais são oferecidos em horários e dias que precisam ser agendados. Às segundas, quartas, quintas e sextas, a partir das 16 horas, acontecem visitas acompanhadas por tradutores da linguagem brasileira de sinais (Libras).

Publicidade