Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Cabral pode chegar a condenação de 500 anos de prisão

A possibilidade é caso ele receba pena máxima em todas as nove ações as quais ele responde na Justiça

Por Redação VEJA RIO Atualizado em 14 jun 2017, 18h48 - Publicado em 14 jun 2017, 18h47

Condenado a 14 anos e dois meses de prisão pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro, o ex-governador do Rio, Sérgio Cabral Filho, pode chegar ser condenado a 500 anos de prisão caso receba as penas máximas nas nove ações as quais ele responde judicialmente. Em apenas uma das ações ele é acusado de 49 condutas de corrupção passiva, 158 crimes de lavagem de dinheiro, mais crime de quadrilha e bando. Neste caso a pena pode chegar a 313 anos e 10 meses.

Publicidade