Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Anvisa libera CoronaVac para crianças e jovens de 6 a 17 anos

De acordo com decisão unânime, a vacina não deverá ser aplicada em crianças imunocomprometidas. As doses serão as mesmas destinadas ao público adulto

Por Redação Atualizado em 20 jan 2022, 14h49 - Publicado em 20 jan 2022, 14h48

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou nesta quinta (20) a imunização de crianças e adolescentes entre 6 e 17 anos com a vacina Coronavac, com exceção dos imunocomprometidos (com baixa imunidade). Os cinco diretores do órgão aprovaram de forma unânime o segundo pedido feito pelo Instituto Butantan para liberação da vacina.

+ Artigo que culpa desfiles por casos de Covid em 2020 gera polêmica no mundo do samba

O documento solicitava a aplicação para a faixa a partir dos 3 anos, no entanto, a agência decidiu aguardar o desenvolvimento de novos estudos feitos com crianças abaixo dos 6 anos.

O primeiro pedido do Butantan, enviado em julho de 2021, foi negado na ocasião devido à quantidade de dados e estudos insuficientes. Após o envio de mais pesquisas pelo instituto, a agência decidiu acatar a nova solicitação.

Compartilhe essa matéria via:

O esquema vacinal das crianças será o mesmo recomendado para os adultos, com um intervalo de 28 dias entre a primeira e a segunda dose. A formulação e a dosagem das vacinas também será a mesma para este público.

Continua após a publicidade

    Até o momento, somente a vacina pediátrica da Pfizer havia sido autorizada pela Anvisa. Com a aprovação da Coronavac, haverá uma quantidade maior de doses disponibilizadas para a campanha de vacinação infantil no país.

    + ‘Insuficiência de doses’: Rio atrasa calendário de vacinação de crianças

    Na cidade do Rio, a insuficiência de vacinas na primeira semana de campanha gerou atraso no cronograma. O calendário inicial previa a vacinação da faixa dos 10 anos entre quinta (20) e sábado (22).

    Com a falta de vacinas, foi estendida a repescagem para meninos e meninas de 11 anos e a imunização de crianças com alguma deficiência ou comorbidade. O cronograma deverá ser retomado na próxima segunda (24), com o recebimento de uma nova remessa de imunizantes.

    + Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

    Continua após a publicidade

    Publicidade

    Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

    Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

    Saiba tudo o que acontece na Cidade Maravilhosa. Assine a Veja Rio e continue lendo.

    Impressa + Digital

    Plano completo da Veja Rio! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

    Acesso ilimitado ao Site da Veja Rio, diariamente atualizado.

    Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas do Rio.

    Receba mensalmente a Veja Rio impressa mais acesso imediato às edições digitais no App Veja, para celular e tablet

    a partir de R$ 14,90/mês

    Digital

    Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

    Acesso ilimitado ao Site da Veja Rio, diariamente atualizado, com Blogs e Colunistas que são a cara da cidade.

    Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas do Rio.

    App Veja para celular e tablet, atualizado mensalmente com todas as edições da Veja Rio

    a partir de R$ 12,90/mês