Não é um Um blog de música, é um blog de músicas

  Dono do ar concentrado na foto aí em cima, o pianista carioca Fernando Moura tem um bocado de estrada. De formação erudita, encantou-se pela música popular e há anos ataca em várias frentes. Já acompanhou inúmeros colegas ilustres, de Moraes Moreira a Marisa Monte, passando por lendas do porte do guitarrista americano Chuck “o […]

 

Moura

Dono do ar concentrado na foto aí em cima, o pianista carioca Fernando Moura tem um bocado de estrada. De formação erudita, encantou-se pela música popular e há anos ataca em várias frentes. Já acompanhou inúmeros colegas ilustres, de Moraes Moreira a Marisa Monte, passando por lendas do porte do guitarrista americano Chuck “o pai do rock” Berry e do produtor inglês George “o quinto beatle” Martin, ambos em históricas apresentações no Brasil realizadas em 1993. No estúdio, é um requisitado criador de temas, vinhetas e trilhas para TV e cinema. Volta e meia, também dá vazão à produção própria em discos solo ou parcerias, como a feita no ano passado com o percussionista Ary Dias (ex-A Cor do Som) no CD CosmeDamião.

Sua mais recente empreitada é uma espécie de blog musical, musical mesmo: uma vez por dia ele lança na web uma composição de 1 minuto de duração. A ideia veio quando ele ganhou de presente um disco em que o contrabaixista americano Charles Mingus  (1922-1979) aventura-se pelo piano: Mingus Plays Piano. “Ele não optou por standards, o disco traz ideias soltas, brincadeiras dele ao piano, que foram desenvolvidas, viraram músicas e, depois, viraram disco”, diz. Funciona assim: “faço, de segunda a sexta, um minuto de música por dia. Acabo meus estudos de manhã, depois de tocar por duas horas, duas horas e meia. Pinta uma ideia boa, eu gravo e boto no ar”, resume o músico. Dias de sol, de chuva, acontecimentos recentes, tudo influencia o que ele cria nos teclados de seu piano Yamaha acústico ou no Fender Rhodes que tem em seu estúdio, carinhosamente batizado como Bariri, em Botafogo. “Tem gente que usa o blog para contar ao mundo quando trocou a privada do banheiro. Eu uso para fazer música”, explica. Melhor assim, né? A Free Minute 86 foi lançada hoje. Ouça todas AQUI.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s