Clique e assine por apenas 4,90/mês
Conversa de Botequim Por Blog

Bar do Momo e Da Gema: novas e deliciosas atrações!

Um fica pertinho do outro. Andando não dá nem 15 minutos. A ordem não importa muito. Em cada um deles você será feliz a qualquer hora ou qualquer em dia. Mas eis que dois dos botecos com cozinha mais inventiva do Rio de Janeiro resolveram criar atrativos ainda maiores com datas especiais. Às quartas-feiras, Antonio […]

Por rafaelcavalieri - Atualizado em 25 fev 2017, 18h32 - Publicado em 27 set 2014, 01h34

Um fica pertinho do outro. Andando não dá nem 15 minutos. A ordem não importa muito. Em cada um deles você será feliz a qualquer hora ou qualquer em dia. Mas eis que dois dos botecos com cozinha mais inventiva do Rio de Janeiro resolveram criar atrativos ainda maiores com datas especiais. Às quartas-feiras, Antonio Carlos Laffargue, o Toninho, criou o evento batizado de Convite do Rei no Bar do Momo. Já a dupla Leandro Amaral e Luiza Souza, responsáveis pelo premiado Da Gema, transformou o bar em um bistrô nas quintas, o chamado Bistrôquim.

momo

No Momo o esquema é simples. Toninho, que tem conseguido atrair chefs como Thomas Troisgros, Rafael Costa e Silva, Kiko Faria, entre outros, ao seu boteco em busca de iguarias como o famoso bolinho de arroz além de criações inusitadas como o tartare de jiló, convida um chef para elaborar e fazer um prato em sua cozinha. Por lá já passaram nomes como Rafael Erbs, ex-Roberta Sudbrack e atual Irajá Gastrô, o ogro Jimmy McManis, Bruno Magalhães, do Botero, e por aí vai.

O próximo, dia 1º de outubro, será Elia Schramm, que junto com Bruno e Cezar Cavaliere formam o Clube do Cozinheiro. O trio tem feito maravilhas aos domingos no Botero, mas isso é assunto para outro dia. No Momo, a criação é inusitada, mas para lá de interessante: arroz de costelinha com camarão, shitake e rapadura. Essa beleza sai por R$ 25,00 e acompanha bem as cervejas da carioca 2Cabeças encontradas por lá.

dagema1

Já no Da Gema, que ainda tem a terça das famosas coxinhas da Luiza e a quarta dos sanduíches, Leandro resolveu brincar e dar um toque sofisticado aos clássicos de boteco. A dobradinha, por exemplo, já foi servida com creme de feijão branco e purê de cenoura. A lingua foi transformada em ragu com purê de inhame e farofa de parmesão. E o camarão com chuchu também ganhou seu upgrade. A próxima investida será um nhoque caseiro com molho de gorgonzola e farofa de bacon crocante (R$ 25,00). Se vai ficar bom? Eu boto a mão no fogo. É ir lá e conferir! Saúde!

Bar do Momo: Rua General Espírito Santo Cardoso, 50, Tijuca, 2570-9389 (40 lugares). 8h/23h30 (sáb. até 22h; dom. 10h/18h). Aberto em 1972.

Da Gema: Rua Barão de Mesquita, 615, lojas C e D, Tijuca, 3549-0857 (60 lugares). 17h/0h (sex. até 2h; sáb. 13h/2h; dom. 12h/19h; fecha seg.). Cc: todos. Cd: todos. Aberto em 2009.

Continua após a publicidade
Publicidade