Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Depois do roupão de Zeca, é a vez de Tia Surica tirar o gorro do armário

Baluarte da Portela virou meme no ano passado após usar o acessório de frio e virou garota-propaganda do inverno carioca

Por Redação VEJA RIO Atualizado em 18 Maio 2022, 15h22 - Publicado em 18 Maio 2022, 15h19

Com a queda de temperatura no Rio, que chegou a marcar menos de 12ºC nesta semana, Zeca Pagodinho já colocou o roupão e pegou sua tigela de canjica – e agora Tia Surica também resgata o seu gorro cinza para encarar o fio. Baluarte da Portela, Surica virou meme no ano passado após usar o seu gorro quentinho e chegou a virar garota-propaganda do inverno carioca nas redes sociais da prefeitura.

+ A despedida de Milton: figurino da turnê foi inspirado em Bispo do Rosário

Em entrevista ao Jornal Extra, a cantora de 81 anos disse que a frente fria a deixou resfriada, mas que ela tem se recuperado e se aquecido em sua casa em Madureira, na Zona Norte. Afinal, a artista precisa estar 100% durante suas duas apresentações em São Paulo, no Sesc Pompeia, neste sábado (21) e no domingo (22). “Vou a São Paulo no próximo fim de semana, e lá é mais frio que aqui. Vou tirar meu gorro do armário e levar”, disse Surica ao jornal.

Compartilhe essa matéria via:

Nos shows, o público verá a artista cantar músicas do seu terceiro e último disco Conforme Eu Sou, com doze composições do também portelense Manacéia (1921-1995). “Estou muito satisfeita porque depois de velha estou fazendo sucesso! É como Nelson Cavaquinho falava: “Se alguém quiser fazer por mim, que faça agora. Me dê as flores em vida”, celebrou também em entrevista.

+ Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

Por enquanto, a pastora da Velha Guarda da azul e branco diz que permanece em casa assistindo novela e tomando uma boa sopinha de legumes. Cozinheira de mão cheia, a portelense é dona de uma famosa feijoada, declarada Patrimônio Histórico e Cultural do RJ em novembro de 2021.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Saiba tudo o que acontece na Cidade Maravilhosa. Assine a Veja Rio e continue lendo.

Impressa + Digital

Plano completo da Veja Rio! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da Veja Rio, diariamente atualizado.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas do Rio.

Receba mensalmente a Veja Rio impressa mais acesso imediato às edições digitais no App Veja, para celular e tablet

a partir de R$ 12,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas do Rio.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)