Clique e assine por apenas 4,90/mês

Giovanna Antonelli: ‘Casamento longo não é sinônimo de felicidade’

Atriz volta à TV no papel de uma psicóloga com relacionamento infeliz, mas que não tem coragem de se separar: 'Muitas mulheres vão se identificar'

Por Cleo Guimarães - Atualizado em 3 abr 2020, 15h41 - Publicado em 3 abr 2020, 12h00

Séries já gravadas e prontas para ir ao ar estão avançando algumas casinhas na programação da Globo e podem estrear antes do planejado. Uma das voltas antecipadas (ainda sem data definida) deve ser a de Giovanna Antonelli em Filhas de Eva, em que vive uma psicóloga infeliz no casamento, mas que vai levando a rotina borocoxô, sem pensar em separação. “É uma mulher real. Muita gente vai se identificar”, acredita Giovanna, confinada em casa com os três filhos e o marido, Leonardo Nogueira, diretor artístico da série.

+ Para receber a VEJARIO em casa, é só clicar aqui.

Na vida real, a atriz se diz bem mais pragmática do que a personagem: “Estaremos juntos até quando a união fizer bem para nós. Não acredito que ser casado por muito tempo signifique felicidade”. Em tempos de isolamento, o aniversário de 44 anos, em março, limitou-se a um bolinho e ao Parabéns a Você compartilhado com a família pela internet. Sem assoprar a velinha, para evitar contágio.

Roberto Carlos: quem abraçou, abraçou

Continua após a publicidade

Maya Gabeira: coronavírus ameaça o surfe de ondas grandes em Nazaré

Apaixonado e indignado: a volta de Marcelo D2 ao Planet Hemp

‘Está se queimando’, diz Antonio Fagundes sobre Regina Duarte

Publicidade