TEATRO

Uma estrela em cena

Em cartaz na Caixa Cultural, o drama Aos Nossos Filhos traz ao Rio a atriz portuguesa Maria de Medeiros

Por: Rafael Teixeira - Atualizado em

AVALIAÇÃO ✪✪✪

Irene No?brega/divulgação
(Foto: Redação Veja rio)

Conhecida por papéis em filmes como Pulp Fiction (1994), de Quentin Tarantino, e Henry & June (1990), de Philip Kaufman, a portuguesa Maria de Medeiros também tem se arriscado na direção. Na realização do documentário Repare Bem, de 2012, ela investigou a história de três gerações de mulheres afetadas pela ditadura brasileira. Quando recebeu o convite para viver no palco uma ex-guerrilheira, a coincidência fisgou sua atenção. Além disso, o nome da peça da carioca Laura Castro, Aos Nossos Filhos, é o mesmo de uma composição de Ivan Lins e Vitor Martins que a atriz, também cantora, já gravou. Aceita a proposta, ela contracena com Laura, sob direção de João das Neves, na Caixa Cultural.

Certa noite, Tânia (Laura) visita a mãe, Vera (Maria), para dar a notícia: vai ter um filho gerado pela mulher com quem vive há quinze anos. Militante de esquerda, com outros dois filhos e três maridos no currículo, Vera acaba revelando, por trás da fachada libertária, uma posição conservadora. É o que basta para a filha despejar rancores até então guardados. De forma corajosa, a trama ecoa a vida da própria autora, também casada com uma mulher e mãe de três filhos. A premissa do embate entre gerações é em si um tanto gasta. Louvável, a ideia de abordar novas configurações familiares por vezes parece pôr a questão acima da dramaturgia em si. Apesar disso, a montagem se beneficia da atuação segura das atrizes e da bela ambientação. O curioso cenário de Rodrigo Cohen, totalmente formado por rolhas de cortiça, é muito bem iluminado por Paulo César Medeiros. A propósito:a música que batiza a montagem é interpretada pelas duas em alguns momentos da sessão, com acompanhamento ao vivo de Felipe Bernardo.

Aos Nossos Filhos (90min). 14 anos. Estreou em 8/3/2013. Caixa Cultural ? Teatro de Arena (84 lugares). Avenida Almirante Barroso, 25, Centro, ☎ 3980-3815, ? Carioca. → Quinta, sexta e domingo, 19h30; sábado, 18h e 20h. R$ 20,00. Bilheteria: 10h/20h (ter. e qua.); a partir das 10h (qui. a dom.). Até dia 31.

Fonte: VEJA RIO