SHOWS

Para todas as tribos

Jesus and Mary Chain, Carlos Malta e Pife Muderno e Céu são as atrações na reta final do Vivo Open Air

Por: Rafael Cavalieri

montagem com fotos de ZUMA Press, Inc./Alamy
(Foto: Redação Veja rio)

Em sua última semana na Marina da Glória, a programação do Vivo Open Air segue recheada de clássicos do cinema, no telão de 325 metros quadrados, e festas badaladas noite adentro. Entre uns e outras, no entanto, vale prestar atenção às atrações musicais ao vivo. Na terça (27), o palco é da banda Jesus and Mary Chain. Comandado pelos irmãos escoceses Jim e William Reid (vozes e guitarras), o grupo, que hoje inclui também Phil King (baixo) e Bryan Young (bateria), ainda coleciona saudosos de sua primeira apresentação no Rio - há 24 anos, no Canecão. Nesta nova visita, o repertório traz sucessos como Darklands e Sometimes Always. No dia seguinte, a vez é de Carlos Malta e Pife Muderno, conjunto de sopros e percussão dedicado a reinventar de forma inspirada a música regional brasileira. Por último, na quinta (29), Céu defende seu espetáculo inspirado em Catch a Fire. O lendário disco de reggae lançado por Bob Marley and The Wailers em 1973 terá todas as suas faixas lembradas pela cantora: Concrete Jungle, Slave Driver e Stir it Up estão na lista.

Vivo Open Air - Marina da Glória. Avenida Infante Dom Henrique, s/nº, Glória. Terça (27), quarta (28) e quinta (29), 23h. R$ 40,00 (1º lote) e R$ 60,00 (2° lote). Bilheteria: 13h/1h (ter. e qua.); 15h/3h (qui.). www.ingressorapido.com.br

Fonte: VEJA RIO