Samba

Martinho da Vila leva para o palco seus sambas-enredo

Novo show do cantor resgata preciosidades compostas para o carnaval carioca e ganham nova roupagem

Por: Rafael Cavalieri

MARTINHO DA VILA
Martinho da Vila: novo show celebra sambas-enredo (Foto: Divulgação)

Aos 76 anos, o sambista esbanja talento por todas as variações do gênero musical que abraçou. Nascido na cidade fluminense de Duas Barras, trouxe a inspiração do interior em canções como Calango Vascaíno. Na capital, fez a festa: espalhou sua voz rouca, cadenciada, por temas românticos, sucessos da batucada (os dele e os alheios) e sambas-enredo. Essa última lista, a dos hinos das escolas para os desfiles de Carnaval, inspira a apresentação que acontece no sábado (13), no Theatro Net Rio. No começo do ano, Martinho lançou o histórico projeto Enredo, registro em disco, DVD e livro das suas contribuições nessa seara.

+ Confira os demais destaques de shows

O repertório vai de Carlos Gomes, seu primeiro samba-enredo, composto em 1957, na Aprendizes da Boca do Mato, até A Vila Canta o Brasil, Celeiro do Mundo, defendido pela Vila Isabel no Sambódromo em 2013. No palco, Martinho divide os trabalhos com três filhos, Maíra Freitas (piano), Juju Ferreirah (voz) e Tunico da Vila (percussão), além de Claudio Jorge (violão), Ivan Machado (baixo), Paulinho Black (bateria) e Wanderson Martins (cavaquinho).

+ Ivete Sangalo celebra 21 anos de carreira. Saiba mais

Também são esperados ao vivo fenômenos da avenida como Carnaval de Ilusões (1967), Quatro Séculos de Modas e Costumes (1968) e Yayá do Cais Dourado (1969), os três primeiros que emplacou na Vila Isabel, hoje clássicos irretocáveis. Completam o programa hits do ano inteiro, a exemplo de O Pequeno Burguês, Canta Canta Minha Gente, Ex-Amor e Mulheres. 12 anos.Theatro Net Rio — Sala Tereza Rachel (704 lugares).

Rua Siqueira Campos, 143 (Shopping dos Antiquários), sobreloja, ☎ 2147-8060 e 2148-8060. Sábado (13), 21h. R$ 80,00 (balcão) e R$ 110,00 (plateia). Bilheteria: 10h/22h (seg. a sex.); a partir das 10h (sáb.). IR.www.theatronetrio.com.br.

Literato: na terça (9), Martinho, autor de treze livros, assume a cadeira número 6 em solenidadena Academia Carioca de Letras 

Fonte: VEJA RIO