humor

Luiz Fernando Guimarães e George Sauma

Atores de talento, ambos escolheram como profissão a difícil arte de fazer os outros rir, ainda que de si próprios

Por: Lula Branco Martins - Atualizado em

 Foto: Fernando Lemos   Produção: Daniela Arend
(Foto: Redação Veja rio)

uitos dos vizinhos de Luiz Fernando Guimarães, no bairro do Jardim Botânico, costumam rir só de olhar para ele. O apresentador Jô Soares, certa vez, definiu-o como um sujeito "engraçado até quando dorme" ? uma de suas participações no programa de entrevista, de 1991, em que interpreta uma arara, é sucesso ainda hoje no YouTube. Seus êxitos nas últimas duas décadas formam uma vasta lista, que começa na peça Fica Comigo Esta Noite, ao lado de Débora Bloch, e no humorístico Programa Legal, com Regina Casé, e se estende pelo espetáculo Cinco Vezes Comédia, pela série Os Normais e pelos seus dois filhotes cinematográficos, Os Normais, o Filme e Os Normais 2, a Noite Mais Maluca de Todas. Mestre em tiradas simples e diretas, mantém o estilo ao aconselhar os iniciantes na arte do riso e da irreverência: "Trabalhe e seja feliz, porque a profissão é ótima e no universo artístico se aprende muito sobre muitas coisas". Dicas preciosas para uma promessa do humor carioca, George Sauma, o ator de 22 anos que faz cara triste na foto só para compor a cena. No dia a dia, Sauma revela-se hilário na televisão (na pele, por exemplo, de Tatalo, de Toma Lá Dá Cá) e eclético no teatro, onde atuou em Outside, com Letícia Spiller.

Fonte: VEJA RIO