RESTAURANTES

Tem, mas acabou

Apesar do acerto no preparo dos pratos, a ausência de itens do cardápio prejudica a visita ao bistrô do Villa Empório

Por: Fabio Codeço

COMIDA ✪✪✪ | AMBIENTE ✪✪✪ | SERVIÇO ✪

Maria Mattos/divulgação
(Foto: Redação Veja rio)

Inaugurado em janeiro, diante da praia da Barra, o Villa Empório parece querer abraçar o mundo. Oferece dicas de lanche ligeiro e espaço para assistir a jogos de futebol ? uma TV se destaca no salão maior ?, além de alguns produtos gourmets e enoteca. A seleção de rótulos, enxuta mas atraente, ­inclui, por R$ 67,00, o francês Sichel 2012, um Bordeaux jovem, produzido com uvas cabernet franc, merlot e cabernet sauvignon. Sugestão de boa relação entre preço e qualidade, o vinho pode acompanhar os comes no salão mais intimista, com vasinhos de flor sobre as mesas, iluminadas por velas à noi­te. Essa é a parte mais atraente do negócio e, por isso mesmo, é de lamentar que o serviço derrape em detalhes básicos. No úl­timo dia 24, quatro pedidos escolhidos estavam em falta. Salvou o programa, contudo, a qualidade do que foi provado. Opção de entrada, as pequenas bruschettas de tomate-­cereja estavam muito bem temperadas (R$ 15,00, seis unidades). Na hora do prato principal, o turnedô alto chegou em ponto perfeito, ao lado de risoto de funghi (R$ 49,00), saboroso e de cozimento certeiro, em substituição à batata calabresa, guarnição original que não deu as caras naquele dia.

Avenida Lucio Costa, 8000, loja H1, Barra, ☎ 3795-8004 (100 lugares). 6h30/0h. Cc: todos. Cd: todos. Couvert: R$ 12,00 (individual) ⑤ ? ↔ www.villaemporio.com. Aberto em 2014. $$

Fonte: VEJA RIO