CRIANÇAS

Uma peça ecologicamente correta

Musical tem objetos reciclados na trama, no cenário e até na trilha sonora

Por: Lais Botelho

Leonardo Lois e Maria Estephania/divulgação
(Foto: Redação Veja rio)

Mangueiras de borracha, garrafões e baldes de tinta compõem os instrumentos usados na trilha sonora. Cenário e figurinos também foram construídos com matéria-prima encontrada em ferros-velhos e refugos de confecções. Atração no Centro Cultural Justiça Federal, Rock?n Lixo ? Uma História para Reciclar o Brasil é, por onde quer que se olhe, um musical com a evidente intenção de tratar de ecologia. Ao som de rock, como o título indica, a plateia acompanha a história de Gaia (Carol Botelho), discriminada por gostar de usar materiais descartados na criação de obras de arte. Ao lado de personagens como Metaulo Autran (Leonardo Lois) e Vidricius de Moraes (Alain Catein), a menina vai ter de dobrar o dono do lixão (Gustavo Maranhão) para dar continuidade ao seu trabalho. Direção de Adriana Maia (55min). Rec. a partir de 4 anos. Estreia prometida para este sábado (9).

Centro Cultural Justiça Federal (141 lugares). Avenida Rio Branco, 241, Centro, ☎ 3261-2565. Sábado e domingo, 16h. R$ 30,00. Bilheteria: 14h/16h (sáb. e dom.). Até 14 de setembro.

Fonte: VEJA RIO