em tempos de seca

Dicas para economizar água e energia elétrica

Com a maior crise hídrica das últimas décadas, cada um precisa fazer a sua parte para evitar o desperdício

Por: Luna Vale - Atualizado em

agua
Economizar é fundamental para evitar um futuro racionamento (Foto: Divulgação)

A região sudeste vive a pior crise hídrica dos últimos 80 anos. Com a falta de chuvas no verão mais seco da década, dois reservatórios que abastecem o Rio já atingiram o volume morto. Segundo dados do Operador Nacional do Sistema (ONS), na próxima semana, um terceiro reservatório deve parar de funcionar.

+ Barra, Recreio e Jacarepaguá estão sem água há 15 dias

Sem perspectiva de melhora, os governantes apelam para que a população economize água e energia elétrica, já que o funcionamento das hidroelétricas também está prejudicado. Com pequenas atitudes no dia a dia é possível diminuir o consumo sem que seja necessário cortes drásticos ou racionamentos.

Confira abaixo as nossas dicas e faça a sua parte!

Para economizar água:

  • Vazamentos

É claro que a gente sempre corre para consertar o vazamento assim que ele aparece. Mas se você ainda não conseguiu resolver o problema, use um balde ou um copo (no caso da pia) para armazenar esta água. Você pode utilizá-la para escovar os dentes, lavar as mãos e até mesmo no lugar da descarga.

  • Lavando frutas e legumes

Encha uma panela ou bacia com água em vez de lavá-los na água corrente e depois reutilize para molhar as plantas. Usar outros produtos como vinagre e água sanitária de uso geral também pode evitar o desperdício.

  • Escovando os dentes

A dica é clássica, mas fundamental. Abra a torneira apenas para molhar a escova e feche enquanto estiver escovando os dentes. Estudos dizem que uma pessoa pode economizar 1,9 milhão de litros de água ao longo da vida simplesmente escovando os dentes com a torneira fechada. O mesmo vale para homens que fazem a barba.

  • Banho

O mesmo vale para a hora do banho. Feche a torneira enquanto estiver passando shampoo ou sabonete. Se você é daqueles que gosta de ficar horas debaixo do chuveiro, esqueça. Parece pouco, mas se cada pessoa diminuir um pouquinho, é possível poupar milhões de litros. Aproveite o banho para fazer xixi, assim você economiza a água que usaria na descarga.

  • Lavando a louça

Retire o máximo de sujeira possível  da louça antes de abrir a torneira. E nada de ficar com ela aberta enquanto ensaboa!

  • Descarga

Se o seu banheiro tem descarga na parede saiba que ela gasta cerca de 20 litros a cada uso, enquanto as de caixa acoplada usam seis. Para economizar, coloque um balde debaixo do chuveiro quando estiver tomando banho e reutilize a água jogando no vaso no lugar de apertar a descarga. E nunca jogue lixo no vaso ou acione

  • Lavando o carro e calçadas

Para essa função a mangueira está proibida: ela gasta cerca de 560 litros em 30 minutos. Um balde, panos e vassouras resolvem ambos os problemas com muita economia.

  • Piscina

Parece besteira, mas deixe a piscina coberta enquanto não estiver sendo usada. Isso evita a evaporação da água e pode significar economia de 3.785 litros por mês!

  • Lavando roupa

Sempre junte o máximo de roupa possível para lavar, seja na máquina ou no tanque. Aproveite a água usada para lavar a varanda ou o quintal.

Para economizar energia:

luz
Pequenas atitudes podem gerar uma economia importante para todos (Foto: Divulgação)
  •   Apague a luz

Não importa se você esqueceu algo e vai voltar ou se vai só dar um pulo no banheiro. Passou pela porta do cômodo, apague a luz e ligue novamente quando retornar. O mesmo vale para TVs e aparelhos eletrônicos.

  • Stand by

Parece pouquinho, mas aquela luzinha vermelha dos equipamentos eletrônicos em stand by gasta energia. Deixe-os totalmente desligados quando não estiver usando. Lembre-se disso principalmente quando for viajar.

  • Computador

O monitor é responsável pro até 70% do consumo de energia. Então quando for pegar uma água ou dar uma pausa no trabalho, apague a tela. Usar modos de economia como hibernar e dormir também podem ajudar a diminuir o gasto.

  • Durante o dia

Aproveite ao máximo a luz do sol. Abra as cortinas e portas para utilizar a luminosidade natural do dia, evitando ao máximo ligar a luz.

  • Ar condicionado

Com as temperaturas nas alturas nesse verão, sabemos que é impossível viver sem essa incrível invenção. Mas use da maneira correta: ligar em uma temperatura muito baixa não esfria mais rápido e faz com que ele gaste mais energia. Use o termostato para evitar que fique frio demais e só ligue o aparelho quando estiver no ambiente, com portas e janelas fechadas. Durante o dia, proteja o cômodo com cortinas e toldos para evitar que aqueça demais com o sol. Mantenha os filtros limpos para melhorar o  funcionamento e diminuir o consumo de energia.

  • Lâmpadas

Procure trocar lâmpadas incandescentes por fluorescentes que duram mais tempo e gastam menos energia. Em um apartamento de dois quartos, a economia por chegar a R$230 se você trocar todas as lâmpadas pelo modelo mais econômico.

  • Ferro e máquina de lavar

Ambos consomem muita energia e a máquina independe da quantidade de peças dentro. O ferro, quando ligado e desligado várias vezes, gera desperdício. Portanto, junte o máximo de roupa para fazer o serviço todo de uma vez.

  • Chuveiro elétrico

Um dos grandes vilões do consumo. Mantenha sempre a chave na posição verão e isso pode representar uma economia de até 30%. Não se esqueça de limpar sempre os buraquinhos de saída da água para melhor funcionamento. 

Fonte: VEJA RIO