COMIDINHAS

Agora em versão saudável

Os donos do Kiosque do Português, conhecido pelas caipirinhas, abrem casa de sucos

Por: Fabio Codeço - Atualizado em

felipe fittipaldi
(Foto: Redação Veja rio)

No começo eram as caipirinhas. Várias delas, em misturas inventivas, preparadas com os mais diversos rótulos de vodca, fizeram a fama do ponto inicial, no calçadão do Leblon, sucedido pelos atuais endereços no Complexo Lagoon e no Jardim Botânico. Em nova empreitada, o português Manuel Alves e seu filho, Carlos, abandonaram o álcool: no último dia 11, inauguraram o Kiosque do Português Sucos. A última palavra acrescida ao nome do negócio diz tudo. No pequeno salão da loja em Copacabana, por onde se espalham algumas mesinhas, é oferecido um cardápio saudável, elaborado por nutricionista. A ala dos bebes, servidos em copos de 300 e 500 mililitros, parece trazer versões inocentes das badaladas caipirinhas vendidas no Kiosque do Português. Entre as misturas oferecidas, três acertos são as de tangerina com gengibre, de abacaxi com capim-limão e de frutas vermelhas (R$ 6,50 e R$ 9,00, dependendo do tamanho). A família Alves também reservou lugar para sugestões terapêuticas e energéticas, estas batizadas como super-heróis. Por lá, o hulk, uma receita de laranja, brócolis e kiwi (R$ 7,00 e R$ 9,90), promete te dar asas. Outro item bastante solicitado em casas do ramo, o açaí (R$ 6,50 e R$ 9,00) pode ser combinado a frutas, como banana (por mais R$ 1,50), e complementos, a exemplo de granola (R$ 2,00) e proteinato de cálcio (R$ 4,00). Para acompanhar, são preparados saladinhas e wraps, sanduíches enrolados em pão folha que ganham versões salgadas e doces. O recheio de frango ao molho teriyaki, cream cheese, tomate, alface e cebola (R$ 9,00) tornou-se um dos primeiros sucessos locais.

Avenida Nossa Senhora de Copacabana, 1313, loja B, Copacabana, ☎ 3597-0070 (16 lugares). 7h30/22h (dom. até 18h). Cc: todos. Cd: todos. ? ↔ Aberto em 2014.

Fonte: VEJA RIO