diversidade na tela

Rio Festival Gay de Cinema chega à 5ª edição com exibição de 120 filmes

Evento ocupa o Cine Odeon e outros sete espaços culturais da cidade até o dia 12 de julho

Por: Redação VEJA RIO - Atualizado em

 

Durante os próximos dez dias, o Rio se transformará na capital mundial do cinema de gênero e sexualidade – isso porque começa nesta quinta (2), a quinta edição do Rio Festival Gay de Cinema – Todos os Gêneros e Sexualidades. O evento, que acontece até o dia 12 de julho, terá exibição de 120 filmes, de mais de 30 países, além de convidados internacionais.

+ Confira todos os filmes em cartaz na cidade

Nesta edição, além do Cine Odeon, no Centro, como principal sala de exibição, o Festival amplia os seus espaços e terá programação em outros sete pontos da cidade, que vão dede o Cine Joia, em Copacabana, à Arena Carioca Dicró, na Penha. Serão 27 longas e 93 curtas que, divididos em oito mostras, abordam os gêneros e sexualidades por diferentes pontos de vista.

Dyke Hard, da sueca Bitte Andersson
Dyke Hard, da sueca Bitte Andersson (Foto: Divulgação)

O programa Panorama Internacional recebe dezoito filmes inéditos - entre eles o documentário Game Face (Bélgica e EUA), do diretor Michiel Thomas, e o filme B de ficção científica e horror Dyke Hard, da sueca Bitte Andersson. As sessões contarão com a presença de ambos os cineastas. Outros destaques desta mostra são o novo filme de Bruce La Bruce, Pierrot Lunaire; a primeira produção na temática do Sri Lanka, Frangipani; e o delicado Atlantida, dirigido pela argentina Ines María Barrionuevo.

Pierrot Lunaire, de Bruce La Bruce
Pierrot Lunaire, de Bruce La Bruce (Foto: Divulgação)

Já o Panorama Nacional apresenta nove filmes. Gazelle - The Love Issue, de Cesar Terranova, será o filme de abertura, nesta quinta (2), no Cine Odeon. A sessão de encerramento, dia 11 de julho, exibirá Castanha, de Davi Pretto, e será seguida de um show de Maria Helena Castanha, a personagem do filme. O escritor Caio Fernando Abreu e o artista plástico Leonilson são retratados, respectivamente, nos documentários Para Sempre Teu Caio F.  (Candé Salles) e A Paixão de JL (Carlos Nader). Os diretores e atores de todos os longas-metragens nacionais participam do evento.

Gazelle - The Love Issue, de Cesar Terranova
Gazelle - The Love Issue, de Cesar Terranova (Foto: Divulgação)

As demais produções se dividem entre a Competição Nacional de Curtas (11 curtas), a Competição Internacional de Curtas (27 curtas), a Mostra Nacional de Curtas (11 curtas), o Transcinema (14 curtas) e o DIV.A - Diversidade em Animação (30 curtas). Haverá também debates com os realizadores, seminário, show e o programa Panorama Jovem. Veja a programação completa em www.riofgc.com.

Confira os endereços de todos os espaços que participam do festival:

Cine Odeon - Centro Cultural Luiz Severiano Ribeiro

Praça Floriano 7,  Cinelândia, Centro. Ingressos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia).

Instituto Cervantes

Rua Visconde de Ouro Preto 62, Botafogo. Tel.: 3554-5910. Ingressos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia).

Cine Cultural Justiça Federal

Avenida Rio Branco 241, Centro. Tel.: 3261-2550. Ingressos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia).

Cine Joia

Avenida Nossa Senhora de Copacabana 680, Copacabana. Tel.: 2236-5671. Ingressos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia).

Livraria Cultura

Rua Senador Dantas 45, Centro. Tel.: 3916-2600. Entrada franca.

Arena Carioca Dicró

Rua Flora Lobo, Penha Circular. Tel.: 7951-0203. Entrada franca.

Arena Carioca Jovelina Pérola Negra

Praça Énio s/n, Pavuna. Tel.: 3554-5910. Entrada franca.

Boys, de Mischa Kamp
Boys, de Mischa Kamp (Foto: Divulgação)

Fonte: VEJA RIO