CINEMA

Sonho transformado em realidade

Na animação Vidas ao Vento, o diretor Hayao Miyazaki enfoca um designer de aviões

Por: Miguel Barbieri Jr. - Atualizado em

Divulgação
(Foto: Redação Veja rio)

Hayao Miyazaki é o nome mais importante da tradicional animação japonesa. Aos 73 anos, e pela terceira vez indicado ao Oscar, o diretor prometeu ser este seu derradeiro trabalho. O desenho traz os belos traços do realizador para acompanhar uma história iniciada após a I Guerra. Começa flagrando o sonho do menino Jiro Horikoshi. Por ser míope, ele não pode ser piloto. Decide, então, seguir o exemplo de seu ídolo, o italiano Caproni, e se tornar um designer de aviões. A história mostra a trajetória do protagonista até a vida adulta - da realização profissional ao reencontro (e casamento) com uma paixão do passado. Bem menos alegórico que os outros filmes de Miyazaki (de A Viagem de Chihiro), Vidas ao Vento tem lançamento apenas na versão original - suas mais de duas horas de duração e os momentos de tristeza e contemplação tendem a desagradar à criançada.

✪✪✪ Vidas ao Vento, de Hayao Miyazaki (Kaze Tachinu, Japão, 2013, 128min). 12 anos. Estreou em 28/2/2014. Estação Rio 3, Estação Vivo Gávea 4.

Fonte: VEJA RIO