DIVERSÃO

Edite suas fotos online

Elegemos seis sites onde você pode cortar, decorar e customizar suas imagens favoritas sem se preocupar com download. Faça tudo no navegador!

Por: Louise Peres - Atualizado em

Depois que o Instagram, a rede social de compartilhamento de imagens exclusiva de usuários do iPhone, disseminou a mania, todo mundo só quer saber de postar fotos com estética vintage - aquelas com carinha de fotografia antiga, em bom português -, efeitos artísticos ou estilo cartoon. Se você não tem o celular da Apple, mas quer dar um levante nas imagens que acabou de clicar e nem sempre tem à mão um Photoshop, listamos alguns sites bacanas para editar seus cliques online. Dicas perfeitas para as férias, já quem nem sempre aguentamos esperar chegar em casa para tratar e publicar as fotos incríveis daquela viagem com os amigos. Há desde opções mais básicas, para cortar e redimensionar as imagens, até ferramentas divertidas, que oferecem efeitos, filtros e molduras facílimas de aplicar.

foto2.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

O Pixlr é surpreendente. Além da interface parecidíssima com o Photoshop, com menus semelhantes, esse editor online traz recursos avançados, com praticamente as mesmas funções. Também trabalha com o sistema de camadas, e oferece diversos filtros, permitindo desfocar a imagem, envelhecê-la ou transformá-la em um pôster de arte (Instagram pra quê?). Você pode editar arquivos existentes no seu computador, em uma página da Web ou até mesmo em seus álbuns do Facebook, Flickr ou Picasa. É possível salvar o trabalho no seu disco local ou mesmo em um site da internet. O mais legal: o serviço oferece ainda o Pixlr Grabber, add-on com versões para Mozilla Firefox e Google Chrome. Com apenas um clique com o botão direito do mouse na imagem vai transferi-la para o editor.

Outro dos mais aclamados é o Picnik, que permite, sem exigir cadastro prévio, cortar, redimensionar e girar suas fotos, além de aplicar efeitos artísticos e elementos divertidos, fontes, formas e molduras à imagem. O site é compatível com Linux, Mac e Windows e também funciona conectado a sites como Picasa, Facebook, Photobucket e Flickr. É só transferir, da sua página de armazenamento de fotos, aquelas que você deseja alterar. O Sumo Paint também é uma opção bem completa, com uma barra de ferramentas mais extensa. No entanto, requer registro com login e senha para ser usado.

foto3.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Há ainda sites que reúnem ferramentas utilizadas por profissionais e, ao mesmo tempo, com a facilidade necessária para que até amadores utilizem. O Splash up é um deles. Fácil de usar, permite editar várias imagens ao mesmo tempo e é executado em todos os navegadores, integrando-se perfeitamente com os sites compartilhamento de fotos mais usados. A ferramenta tem seu próprio formato de arquivo, para que você possa salvar seu trabalho ainda em andamento. Se você não precisa de tantos recursos, há a versão Splash up, mais "casual" e divertida, segundo o serviço. Para quem procura algo ainda mais simples, o Phixr é a pedida. Minimalista, ele oferece funções básicas e lembra o famoso Paint. Ideal para a criançada mexer, colorir e decorar fotos. É só clicar, escolher a foto no computador, modificá-la e depois baixar o arquivo da nova imagem, já editada.

Mas e a Adobe? Não tentou levar o Photoshop para a Web? Claro que sim. Bem completo e funcional, por sinal. Porém, a versão online do editor de imagens só suporta arquivos em jpeg, jpg ou jpe, enquanto o Pixlr, por exemplo, trabalha com os formatos png, bmp e pxd (imagem pixlr em camadas), além do jpeg.

Fonte: VEJA RIO