DIVERSÃO

Mostra da Caixa Cultural tem poemas escritos com luz

Em cartaz a partir desta quinta (5), exposição Luzescrita reúne poemas, vídeos, fotografias e uma instalação

Por: Thaís Meinicke - Atualizado em

luzescrita.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

A partir desta quinta (5), a Caixa Cultural apresenta a exposição Luzescrita. Elaborada pelos artistas Arnaldo Antunes, Fernando Laszlo e Walter Silveira, com curadoria de Daniel Rangel, a mostra multimídia reúne poemas, vídeos, objetos, fotografias e uma instalação. São 39 obras, organizadas em dois espaços: a Sala Clara, branca e iluminada, para as fotografias; e a Sala Escura, preta e escurecida, para abrigar os objetos de luz, a instalação e os vídeos.

A exposição, que já passou por Salvador, Brasília e Portugal, trabalha com a luz como forma de caligrafia dos poemas, explorando o recurso de diferentes maneiras, que vão desde sinalizadores utilizados por embarcações até pólvora de palito de fósforo e massa fosforescente.

Nesta quarta (4), na abertura da mostra, às 19h, os artistas Arnaldo Antunes, Walter Silveira, Tuzé Abreu e Tato Taborda fazem uma performance para o público presente, com entrada franca. A Caixa Cultural fica na Avenida Almirante Barroso, 25, Centro. Mais informações pelo telefone 3980-3815 ou pelo site www.caixa.gov.br/caixacultural. A exposição fica em cartaz até o dia 27 de outubro.

Fonte: VEJA RIO