ELEIÇÕES

Site reúne dados sobre a atuação de deputados federais do Rio

Desenvolvido pelo Grupo de Pesquisa em Comunicação, Internet e Política da PUC-Rio, site contém informações sobre os 46 deputados do estado no Congresso Nacional

Por: Thaís Meinicke - Atualizado em

Romário (PSB), Jean Wyllys (PSOL) e Jair Bolsonaro (PP): três dos 46 deputados avaliados no site
(Foto: Reprodução)

Quem ainda não escolheu o seu candidato para as eleições do próximo domingo (5), pode contar com uma boa ferramenta para avaliar quais deles melhor representarão o Rio de Janeiro durante os próximos quatro anos no Congresso Nacional. Desenvolvido pelo Grupo de Pesquisa em Comunicação, Internet e Política da PUC-Rio (COMP), o site O que fez seu deputado reúne informações e análises sobre o que fizeram os 46 deputados federais do estado do Rio eleitos em 2010, entre 1º de fevereiro de 2011, data da posse, a 6 de julho de 2014, quanto teve início a campanha para o mandato seguinte. Do total de deputados avaliados, 35 (76%) estão concorrendo novamente à Câmara nas eleições deste ano.

Todos os dados publicados no site foram retirados do próprio portal do Congresso Nacional e algumas informações sobre os políticos foram retiradas de suas páginas pessoais. Além de uma ficha técnica com dados de cada deputado – como partido, idade, número de votos, patrimônio declarado, se é ou não Ficha Limpa e se é candidato à reeleição –, é possível ver os projetos em que cada um votou contra ou a favor, assiduidade, discursos que fez no Plenário, propostas que apresentou e comissões das quais participou.

Em uma consulta ao site, os cariocas poderão saber, por exemplo, que Jair Bolsonaro (PP) foi o único deputado do Rio a votar contra a PEC das Domésticas (PEC 478/2010), que confere à categoria os mesmos direitos das outras, como 13º salário, adicional noturno e FGTS. Já Jean Wyllys (PSOL), fez discursos em defesa do fim da violência contra a mulher, a favor dos direitos de igualdade de gênero e orientação sexual, em defesa da qualificação “dependentes e usuários” de drogas, com aumento da pena aos traficantes, entre outros temas. Candidato ao senado nesta eleição, Romário (PSB) se empenhou na causa das pessoas com deficiência, com propostas de incentivo ao acesso à educação e ao esporte (PL 6570/2013 e PL 1709/2011).

+ Principais candidatos ao governo do Rio apresentam suas propostas

+ Romário e Cesar Maia disputam vaga ao Senado pelo Rio

Fonte: VEJA RIO