COMIDA

Quitutes da Bahia

Vai um acarajé? Ou que tal vatapá? Remake de Gabriela inspira roteiro saboroso de comida baiana no Rio. São 15 restaurantes com petiscos, pratos e sobremesas divinos

Por: Daniela Pessoa - Atualizado em

Crédito: Filico
(Foto: Redação Veja rio)

Os quitutes típicos da culinária nordestina preparados por Gabriela, musa e cozinheira de mão cheia da novela das onze, deixam os personagens e o público do outro lado da telinha com água na boca. Para matar a vontade das delícias com tempero único que a personagem de Juliana Paes oferta no bar Vesúvio, preparamos um roteiro carioca de acepipes baianos que são de lamber os dedos e fazer inveja à protagonista. Tome nota e bom apetite!

Siri Mole. Um dos melhores restaurantes de comida baiana do Rio, a casa oferece pratos tradicionalmente fartos, que servem duas pessoas. Apenas na filial Barra é possível optar por porções individuais. Fazem sucesso a porção de acarajés (R$ 44,00), a moqueca de siri mole (R$ 70,00 ou R$ 130,00 para uma ou duas pessoas) e a tapioca de siri (R$ 15,00). Os preços são da filial da Zona Oeste. Avenida Ministro Ivan Lins, 270, loja C e D, Barra, tel. 2491-0190. Rua Francisco Otaviano, 50, Copacabana, tel. 2267-0894.

Oke Ka Baianatem. O quiosque da baiana Angélica Almeida, a Keka, fica à beira da Lagoa Rodrigo de Freitas. Tem parede de pau a pique e uma estátua de Iemanjá destacada no ambiente. Garçonetes vestidas a caráter e simpáticos atendentes levam à mesa, para começar, delícias como o acarajé (R$ 10,00 cada; R$ 24,10, seis unidades pequenas) e os camarões tentação, empanados com coco e tapioca e acompanhados de molho de manga, mel e gengibre (R$ 41,00, seis unidades). A moqueca pode ser de peixe (R$ 60,60) ou camarão (R$ 69,80) e é servida em panela de barro com arroz, pirão e farofa de dendê, para duas pessoas. Avenida Epitácio Pessoa, s/n, quiosque 14, Parque da Catacumba, Lagoa, tel. 8297-9766 e 7889-3163;

Giuseppe Grill. Especializada em cortes brasileiros e argentinos de carne, a casa guarda no menu uma surpresa para baiano nenhum colocar defeito. A panelinha de siri que vem com o crustáceo desfiado em ervas e azeite de dendê (R$ 26,00) é de comer rezando. Avenida Bartolomeu Mitre, 370, Leblon, tel. 2249-3055.

kacua.jpg
(Foto: Redação Veja rio)

Kaçuá. A tradição no preparo dos pratos nordestinos reina absoluta no restaurante comandado por pai e filho. Das delícias baianas, escolha o vatapá acompanhado por creme elaborado com o miolo do pão, castanha, amendoim, camarão seco, dendê, leite de coco, caldo de peixe, gengibre e ainda arroz e acaçá (R$ 58,00 para duas pessoas). Outra opção saborosa é a moranga recheada com camarão, gratinada com catupiry e acompanhada de arroz e farofa (R$ 62,00). Entre as sobremesas, doces caseiros com sabores como abóbora, banana e cocada preta (R$ 8,00 cada), ou o pudim de tapioca (R$ 10,00). Rua Senador Rui Carneiro, 220, Recreio, tel. 2490-2607.

Academia da Cachaça. Duas pedidas baianas acertadas são a porção de acarajé com vatapá e saladinha (R$ 32,30) e o vatapá carioquinha, preparado com peixe e camarão e servido com arroz e farofa de maracujá (R$ 45,90). Adaptado ao paladar carioca, o quitute sem dendê é para aqueles que não estão habituados ao tempero forte da Bahia. Rua Conde Bernadotte, 26, lojas E, F e G, Leblon, tel. 2529-2680 e 2239-1542. Avenida Armando Lombardi, 800, loja 65 L, Condomínio Condado de Cascais, Barra, tel. 2492-1159.

Málaga. A moqueca à baiana preparada com cherne e camarões VG (R$ 85,00 para uma pessoa) pelo chef Augusto Vieira é imperdível. Para quem preferir saboreá-la em casa, o mestre-cuca dá a receita: clique aqui e bom apetite. Rua Miguel Couto, 121, Centro, tel. 2253-0862 e 2233-3515.

Terra Brasilis. Localizado em um dos pontos mais bonitos da cidade, de frente para o Pão de Açúcar, o restaurante oferece culinária variada e pratos típicos da gastronomia brasileira. Da Bahia vêm as moquecas nos sabores peixe e camarão, servidas com arroz branco e pirão ou farofa (R$ 85,00 para duas pessoas). Praça General Tibúrcio, s/n, Urca, tel. 2275-4651.

Divulgação
(Foto: Redação Veja rio)

Do Horto. Explore os sabores da Bahia no Jardim Botânico. Uma das especialidades da casa é a porção de acarajé com vatapá, camarão e vinagrete (R$ 29,00). A moqueca de frutos do mar (R$ 55,00) é outra opção deliciosa para quem gosta do tempero baiano. Rua Pacheco Leão, 780, Jardim Botânico, tel. 3114-8439.

Toca do Siri. Os carros-chefes da casa recém-inaugurada no Leblon são receitas baianas com peixes e frutos do mar. Alguns exemplos são o bobó de camarão servido com arroz branco e farofa de dendê (R$ 48,00), o bobó de camarão na tigela servido com torradinhas de biju (R$ 25,00), o caldo de sururu (R$ 16,00) e a casquinha de siri (R$ 21,00). Nos fins de semana e feriados, entram em cena as famosas moquecas em três versões para duas pessoas: camarão (R$ 120,00), peixe (R$ 99,00) e peixe com camarão (R$ 120,00). Avenida Ataulfo de Paiva, 1240, loja A, Leblon, tel. 3518-3773.

Nomangue. O estabelecimento de frutos do mar, escolhido pela última edição Comer & Beber de VEJA Rio o melhor da categoria que leva em consideração preço e qualidade, oferece um cardápio recheado de opções da cozinha baiana. As moquequinhas fazem muito sucesso. A de camarão (R$ 19,00) é a mais pedida, e pode levar como acompanhamento a farofa de dendê (R$ 4,50). Destaque também para o camarão no coco-verde com catupiry gratinado e arroz de amêndoas (R$ 88,00 para duas pessoas). Estrada Coronel Pedro Correa, 122, lojas A e B, Barra, tel. 2441-4195 e 3416-8821. Rua Visconde de Caravelas, 180, Humaitá, tel. 2225-4028.

Siri. Não se espante com os preços, porque os fartos pratos da casa servem quatro pessoas. Para abrir os trabalhos, peça patinha de caranguejo (R$ 21,90, 10 unidades). Como principal, escolha entre o bobó de camarão (R$ 110,80) e a moqueca de peixe e camarão (R$ 124,90). Praça Euvaldo Lodi, 65, Jardim Oceânico, Barra, tel. 2494-0816 e 2495-5607. Avenida Pastor Martin Luther King Jr, 126, bloco 1, loja L, Del Castilho, Shopping Nova América, tel. 2583-1015 e 2523-1091.

Divulgação
(Foto: Redação Veja rio)

Sobrenatural. As paredes de tijolo aparente e os móveis rústicos criam um clima acolhedor na casa especializada em pratos de pescado com toque nordestino. Entre as opções arretadas, torta de caranguejo gratinado com farofa de dendê (R$ 22,00), moqueca de camarão à baiana, com leite de coco, azeite de dendê e especiarias (R$ 95,00), moqueca de dourado com arroz branco, farofa de dendê e pirão (R$ 65,00) e o tradicional bobó de camarão (R$ 90,00). Rua Bento Lisboa, 4, Catete, tel. 2556-2427.

Bar Desacato. A casa oferece o caldo de bobozinho de camarão com parmesão, salsinha e torradas (R$ 15,00), o bobó de camarão com arroz e batata palha (R$ 69,00) e ainda o escondidinho de camarão com catupiry e cobertura gratinada de purê de aipim e parmesão (R$ 26,90). Rua Conde de Bernadote, 26 A, Leblon, tel. 2512-7373.

Quinta da Boa Vista. A casa com clima imperial aposta em receitas tradicionais no cardápio. Da Bahia, destaque para a moqueca de badejo com camarão acompanhada de arroz branco e farofa de dendê (R$ 95,00). Parque da Quinta da Boa Vista, s/n, São Cristovão, tel. 2589-4279 / 6551.

Chico & Alaíde. Um prato típico da Bahia virou quitute nas mãos da cozinheira Alaíde. O bolinho de caruru com vatapá, novidade no cardápio, leva quiabo, peixe, castanha de caju e temperos secretos. Um camarão frito crocante, espetado no topo, finaliza a receita. A unidade custa 4,60 reais. Rua Dias Ferreira, 679, Leblon, tel. 2512-0028.

Fonte: VEJA RIO