MUNDO ANIMAL

Mundo animal

Por: Daniela Pessoa - Atualizado em

Ajuda on-line

istockphoto
(Foto: Redação Veja rio)

Aqueles velhos cartazes com a foto do bicho e o telefone do dono não são mais a única maneira de recuperar pets desaparecidos. Estão surgindo agora sites dedicados exclusivamente ao tema. Eles funcionam como uma espécie de rede social. Basta registrar o animal perdido para que o sistema compartilhe a notícia com outros usuários, auxiliando na procura. Apesar do nome, o Cachorro Perdido e o Procura-se Cachorro aceitam cadastros de todos os tipos de animal doméstico (inclusive os rivais gatos). O serviço é gratuito.

The cartoon bank
(Foto: Redação Veja rio)

Vestindo a camisa

Fotos Divulgação
(Foto: Redação Veja rio)

O mundo da moda se rendeu, mais uma vez, à fofura de cães, gatos e coelhos. Nas coleções que estão nas lojas, a bicharada aparece em camisetas de grifes como Cantão, Farfetch e Garimppo. Um dos modelos

à venda nas araras da Q-Vizu traz uma estampa em homenagem aos Beatles, com quatro beagles atravessando

a rua, em alusão à capa do álbum Abbey Road, de 1969.

Palavra de especialista

Acervo pessoal
(Foto: Redação Veja rio)

Tenho uma cachorrinha de 50 dias e gostaria de saber se devo tomar algum cuidado especial com os olhos dela, que são azuis. Adriana Leite, dona de uma simpática cane corso

Segundo a veterinária Isabela Costa, a cor dos olhos não interfere na higienização. Ela deve ser feita diariamente, com um algodão umedecido em soro fisiológico, e independe da idade do animal. Observe também os cílios.

Quando nascem ao contrário, eles podem causar irritação e provocar até mesmo úlcera ocular. Fique atenta ainda ao lacrimejamento excessivo, geralmente causado por alergias e infecções, e a secreções amareladas e vermelhidão, que podem ser indícios de conjuntivite. Outra dica importante é evitar que os cães tomem muito vento nos olhos, para não correr o risco de ter ferimentos causados por ciscos.

Fonte: VEJA RIO