BARES

Lupulino

Em imóvel onde funcionou loja de molduras, bar recém-inaugurado atrai fãs de cerveja com 16 torneiras de chope

Por: Rafael Cavalieri

Bebida ✪✪✪✪ | Ambiente ✪✪✪ | Comida ✪✪✪

Lipe Borges
(Foto: Redação Veja rio)

Durante 34 anos, José Norberto vendeu molduras em sua loja nas cercanias do metrô, em Botafogo. Daniel e Gustavo Guerreiro, o segundo um especialista em cervejas, vinham insistindo com o pai para mudar de ramo. Não deu outra: no início do mês, após um ano de obras pesadas, abriu as portas o bar da família. Logo na entrada, à direita, o balcão de mármore negro sobre tijolos aparentes ampara a vistosa fileira de dezesseis torneiras de chope. Salão adentro, decorado com motivos cervejeiros, o cliente ainda pode se acomodar em torno de mesas espalhadas pelo espaço ou no mezanino ao fundo. Como é costume em redutos de chopes sazonais, as opções do dia estão escritas na parede. Corra para aproveitar o alemão Crew 7:45 Escalation (R$ 28,00; 300 mililitros), uma double IPA extremamente aromática, por causa dos quatro lúpulos utilizados em sua fabricação. A casa terá sempre duas torneiras para sugestões da americana Brooklyn, assim como a boa blonde ale da carioca Fraga (R$ 13,00; 300 mililitros). Hoje em torno dos trinta rótulos, o número de garrafas tende a crescer. A Grand Cru, uma double witbier com laranja e coentro feita pela curitibana DUM, é excelente pedida (R$ 20,00; 355 mililitros). Dica entre os petiscos, os bolinhos de cogumelos mostraram-se corretos (R$ 20,00; seis unidades). Já o hambúrguer de acém com patinho e linguiça fez bonito, coberto por queijo do reino, bacon e cebola-roxa, ladeado por maionese picante de sriracha, uma espécie de pimenta tailandesa (R$ 28,00).

Rua Professor Álvaro Rodrigues, 148, loja A, Botafogo, ☎ 2535-0988 (136 lugares). 18/0h (sex. e sáb. até 2h; fecha dom. e seg.). Cc: M e V. Cd: todos. Aberto em 2014.

Fonte: VEJA RIO