Frescobol recebe o titulo de patrimônio imaterial do Rio

Esporte criado na década de 40 foi reconhecido pelo Instituto Rio Patrimônio da Humanidade

 

Ao lado do mate de galão das praias, da torcida do Flamengo e das marchinhas de Carnaval, o Rio acaba de ganhar mais um item para sua lista de patrimônios imateriais. Foi publicado nesta segunda (9), no Diário Oficial do Município, o decreto que dá o título ao Frescobol.

A prática esportiva recebe o título de patrimônio cultural no ano em que comemora 70 anos de criação. Após estudos do Instituto Rio Patrimônio da Humanidade, o reconhecimento considerou o frescobol como parte do “estilo de vida” da cidade e totalmente associado à paisagem cultural das praias do Rio de Janeiro.

O frescobol foi inventado em 1945, nas areias da Praia de Copacabana, no trecho conhecido como posto 2,5, localizado entre a Rua Duvivier e o Copacabana Palace.

+ Conheça os melhores quiosques da orla do Rio

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s