Cadê o bondinho que estava aqui?

Um vaso de vidro produzido em 1904, com um desenho do Pão de Açúcar ainda sem bonde, certamente será o destaque no encontro sobre art déco organizado pelo marchand Márcio Roiter no Hotel Windsor Atlântica, no Leme, em agosto. A obra é do mestre vidreiro francês Émile Gallé, que não exatamente pintava as figuras, usando na verdade ácido fluorídrico com betume para compor os relevos das peças. Os participantes do evento sairão numa espécie de excursão pela cidade, observando prédios e fachadas que são marcos daquele estilo. No fim do passeio chegarão à casa do próprio Roiter, no Jardim Botânico, de onde nunca saem nem este, nem outros vasos. Sua coleção também tem um Gallé raríssimo que mostra o Corcovado sem Cristo Redentor.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s