Múltiplos olhares

A fotografia de arte é o traço comum às mostras de Miguel Rio Branco, na Galeria Silvia Cintra, Bina Fonyat, no Espaço Cultural Furnas, e da Coleção Itaú, no Paço Imperial, abertas no dia 1º

Um dos mais celebrados fotógrafos do país, agraciado em 2010 com um pavilhão dedicado à sua obra no centro de arte contemporânea Inhotim, em Minas Gerais, Miguel Rio Branco apresenta a sua poética visão da mulher em La Mécanique des Femmes. Na Galeria Silvia Cintra + Box 4, a mostra reúne quinze obras pinçadas de vários momentos de sua carreira, nas quais são sugeridos temas como submissão, mistério e sensualidade – caso de Diálogo Romano, de 2008, que põe lado a lado duas fotos em que aparecem apenas as pernas de mulheres de botas.

Miguel Rio Branco. Galeria Silvia Cintra + Box 4. Rua das Acácias, 104, Gávea, ☎ 2521-0426. → Segunda a sexta, 10h às 19h; sábado, 12h às 18h. Grátis. Até 30 de junho. http://www.silviacintra.com.br.

roteiro-exposicoes-abre-02.jpg

roteiro-exposicoes-abre-02.jpg

Eclético, o carioca Bina Fonyat (1945-1985) produziu imagens tanto para grandes veículos de imprensa quanto para capas de discos e catálogos de exposições e peças de teatro. Durante seis anos, entre 1972 e 1978, dedicou-se a registrar cenas do Carnaval do Rio – festa pela qual era apaixonado. As fotos deram origem a um livro, hoje esgotado. Cinquenta delas estão na mostra. São flagrantes menos óbvios da folia, como o que mostra quatro amigos descansando no meio-fio.

Bina Fonyat. Espaço Cultural Eletrobras Furnas. Rua Real Grandeza, 219, Botafogo, ☎ 2528-3112. Terça a sexta, 14h às 18h; sábado, domingo e feriados, 14h às 19h. Grátis. Até 8 de julho.

roteiro-exposicoes-abre-03.jpg

roteiro-exposicoes-abre-03.jpg

Apresentada no início do ano na Maison Européenne de la Photographie, em Paris, a mostra Coleção Itaú de Fotografia Brasileira leva agora 115 trabalhos de 56 artistas ao Paço Imperial. No alentado painel, que abrange dos anos 40 até os dias de hoje, a opção do curador Eder Chiodetto foi pelas imagens de caráter mais experimental. Em Homenagem a Mondrian (1960), do paulistano German Lorca, uma janela evoca as linhas da obra do pintor holandês. Nomes como Thomaz Farkas, Rosângela Rennó, Claudia Andujar e Vik Muniz integram a seleção.

Coleção Itaú de Fotografia Brasileira. Paço Imperial. Praça XV de Novembro, 48, Centro, ☎ 2215-2093. Terça a domingo, 12h às 18h. Grátis. Até 5 de agosto. http://www.pacoimperial.com.br.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s