• 22 (Crédito: Reprodução Youtube)

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

Resenha por Miguel Barbieri Jr.

É evidente a influência de Woody Allen na comédia Cala a Boca, Philip. Além das pinçadas locações em Nova York, ambiente familiar na filmografia de Allen, o jovem diretor Alex Ross Perry traz um personagem verborrágico e utiliza uma coloração à moda dos anos 70 na fotografa. O protagonista é Philip (Jason Schwartzman), um escritor cujo ego se revela maior do que sua altura. Dono de um livro de sucesso, ele se recusa a promover sua segunda publicação e, em crise com a namorada (Elisabeth Moss), aceita o convite de um renomado autor (papel de Jonathan Pryce) para passar uma temporada em sua casa de campo. As experiências de vida do veterano colega são passadas para o novato e entojado Philip, que começa a refletir sobre a vida. Na base da autoanálise, a comédia dramática se apoia em diálogos consistentes, mas, assim como seu protagonista, resulta pedante e pretensiosa. Estreou em 7/5/2015.

Ficha técnica

Direção: Alex Ross Perry

Duração: 108 minutos

Recomendação: 12 anos

País/Ano:

Publicidade

Publicidade