Clique e assine por apenas 3,90/mês

Teatro virtual: Diogo Vilela dá nova roupagem a peça sobre Cauby Peixoto

Monólogo terá transmissão gratuita pelo YouTube nesta quinta (24), a partir das 20h30

Por Marcela Capobianco - 21 set 2020, 15h25

Nesta quinta (24), às 20h30, o ator Diogo Vilela vai subir ao palco do Teatro Claro Rio – com plateia vazia – para encenar a versão on-line do musical Cauby, Cauby.

Repaginado, o espetáculo se transformou em um monólogo, batizado de Cauby, Uma Paixão e inaugura a segunda temporada do projeto Palco Instituto Unimed BH em Casa.

+ Maria Ribeiro: “Meu Brasil é o que toca no rádio”

O texto foi adaptador por Flávio Marinho, que também assina o musical.

“O monólogo surgiu recentemente em nossos corações e imaginário, durante a pandemia, com o intuito de espalhar alegrias e amor ao público, que anda necessitado de ternura em tempos difíceis. É gratificante poder realizar um trabalho com qualidade artística, mesmo durante este período”, diz o ator Diogo Vilela.

+ Peças que abordam dramas humanos ganham espaço na web

Continua após a publicidade

O show-teatro-musical percorre a carreira de Cauby Peixoto. Clássicos como Conceição, A Pérola e o Rubi e Eu e a Brisa estão no repertório.

+ Mateus Solano: “Meus filhos amam livros sobre natureza”

Flavio Marinho explica que essa nova versão do espetáculo parte da seguinte premissa: se estivesse vivo, como Cauby reagiria à nova realidade?

+ Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui

Em cena, Diogo Vilela terá a companhia da diretora musical Liliane Secco e do saxofonista Fernando Trocado. Os figurinos e a direção de arte são de Ronald Teixeira.

A transmissão será gratuita e simultânea pelos canais do YouTube do Sesc em Minas e do Teatro Claro Rio (TeatroClaroRio), e também pelo Canal 500 da Claro TV. Os espetáculos contarão com tradução de libras e audiodescrição.

Continua após a publicidade
Publicidade