Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Liesa faz reunião para decidir sobre título do Carnaval 2017

Liga Independente das Escolas de Samba vai definir se a campeã Portela e a vice Mocidade dividirão o título após erro de jurado

Por Redação VEJA RIO 3 abr 2017, 16h23

Nesta quarta (5), haverá uma reunião extraordinária com os presidentes das agremiações da Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa) para decidir sobre o pedido da Mocidade, que quer dividir o título do Carnaval 2017 com a Portela. A plenária foi convocada pelo presidente da Liesa, Jorge Castanheira.

Segundo a escola de Padre Miguel, a medida solucionaria o erro de um jurado, Valmir Aleixo, que teria feito o julgamento do abre-alas se baseando nas informações da primeira edição do roteiro do desfile, e não na versão final entregue à comissão julgadora. A própria Liesa reconheceu a falha na distribuição do roteiro do desfile que ajuda o júri a acompanhar o espetáculo e a votar.

Em disputa acirrada, a Mocidade, que levou para a avenida um enredo em homenagem a Marrocos com direito a Aladdin sobrevoando a Sapucaí, conquistou o vice-campeonato com um total de 269,8 pontos – apenas um décimo atrás da campeã, Portela, que somou 269,9. Se o julgador Valmir Aleixo tivesse dado nota 10 para a Mocidade, como de direito, ela empataria com a escola de Madureira. No desempate, seria a campeã do Carnaval pelo quesito comissão de frente, em que a Portela perdeu um décimo.

  • Publicidade