Clique e assine por apenas 4,90/mês

Como fazer camiseta tie dye usando apenas produtos naturais

A consultora de moda e de sustentabilidade Giovanna Nader ensina a fazer a técnica em casa a partir de ingredientes como casca de cebola e beterraba

Por Bruna Motta - Atualizado em 10 jul 2020, 21h26 - Publicado em 9 jul 2020, 16h10

Durante a quarentena, novos hábitos e hobbies foram incorporados à rotina. Alguns se empenham na cozinha, outros tantos enveredaram pelos cursos on-line e houve aqueles que decidiram aderir à onda do tie dye. Responsável por conferir um toque divertido nas camisetas, produzindo desenhos coloridos, com estampas singulares e efeitos em degradê, a técnica foi alçada à fama na década de 70 com os hippies. Ficou ali, meio esquecida, com alguns adeptos – como todo modismo – mas voltou com tudo entre as tendências do verão de 2020. E, diante do ócio ao longo de quase quatro meses de confinamento, tornou-se uma espécie de terapia ocupacional (estilosa, diga-se de passagem) a muitos cariocas.

Apresentadora do Se Essa Roupa Fosse Minha, do GNT, consultora de moda e de sustentabilidade, Giovanna Nader ensina a estilizar as roupas usando produtos fáceis de se ter em casa.

+Lives do fim de semana: Safadão, Diogo Nogueira e muito rock

Antes de começar, papel e caneta na mão: será preciso uma peça clara de tecido natural, bicarbonato de sódio, barbante e cascas de cebola ou de beterraba (ou a própria beterraba inteira). “Há quem prefira usar corante. Eu gosto dos alimentos que causam o mesmo efeito”, explica Giovanna, que divide a tarefa com a filha Marieta, de 2 anos, fruto do relacionamento com o ator, humorista e roteirista Gregório Duvivier. “A gente se diverte”, conta. Abaixo, confira o passo a passo:

Continua após a publicidade
Camiseta tie dye: Giovanna tingiu a peça usando cascas de cebola e beterraba Acervo Pessoal/Divulgação

Preparando o tecido

Em primeiro lugar, é muito importante que a peça escolhida esteja limpa (leia-se sem nenhuma sujeirinha grudada) para não correr riscos de criar falhas estranhas na estampa. Portanto, lave o tecido com água e sabão neutro antes de começar o tie dye.

Para quem ainda é iniciante, uma boa opção é começar pela estampa espiral, que consiste em torcer a camiseta esticada em sentido horário partindo do centro, o que criará uma espécie de caracol no fim do processo.

Com o barbante ou o elástico de borracha, amarre o rolinho formando um X e dividindo o tecido amarrado em quatro partes.

Continua após a publicidade

+Cinco combinações imperdíveis de pizza e vinho

Tingimento

Ferva um pouco de água em panelas diferentes. Em uma, coloque a camisa e uma colher de bicarbonato de sódio. Deixe ferver por 30 minutos. Na segunda, adicione as cascas de cebola e a beterraba por 20 minutos.

Coloque a blusa fervida na panela onde estão as cascas por 10 minutos.

Continua após a publicidade

+Grátis: seis peças para assistir on-line nesta semana

Finalizando o tie dye

Mantenha a peça de roupa em um local seco, ventilado e longe do sol até que o tecido seque por completo.

Corte as amarras e lave o tie dye normalmente, com água e sabão neutro, para retirar os excessos da cor e evitar que a peça manche outras roupas. Deixe secando no varal e, depois, use o ferro de passar para finalizar o produto.

Continua após a publicidade

 

+ Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui

Publicidade