Clique e assine por apenas 7,90/mês

Le Blé Noir (Desde 1999)

Tipos de Comidinhas: Crepes
Veja Rio
starsstarsstarsstarsstars
Endereço: Rua Xavier da Silveira, 19 - - Copacabana - Rio de Janeiro - RJ ver no mapa
Telefone: (21) 22676969
Horário:
segunda-feira
19:30 - 23:30
terça-feira
19:30 - 23:30
quarta-feira
19:30 - 23:30
quinta-feira
19:30 - 23:30
sexta-feira
19:30 - 00:00
sábado
19:30 - 00:00
domingo
Fechado
payment

Formas de pagamento

Cartões de crédito: Visa, Mastercard e Diners
Cartões de débito: Visa Electron, Rede Shop e Maestro

check_circle

Informações adicionais

Lugares/Capacidade total (44)

Resenha por Fabio Codeço

Le Blé Noir/Divulgação

Fechada a filial da Barra, as atenções voltaram-se para os 44 lugares da matriz, em Copacabana. A atmosfera rústica e romântica atrai casais, apesar do pouco espaço entre as mesas. No menu, galettes de trigo-sarraceno preparadas à moda da Bretanha. A boa variedade de recheios inclui o crepe binic (R$ 64,00), de atum com gorgonzola, e o carantec (R$ 58,00), feito de frango em redução de vinho tinto. Populares, as combinações de camarões com uvas (R$ 60,00), figos com presunto de Parma e nozes (R$ 67,50) e brie com damasco (R$ 44,00) nunca saem do cardápio. Todos os crepes são servidos com escolta de salada de folhas verdes. De execução simples e certeira, as trouxinhas de sorvete (R$ 36,50) agradam com a doce combinação de morango e calda de chocolate. Para beber, prove a cidra importada francesa (R$ 25,00 a taça; R$ 100,00 a garrafa), que em nada lembra a versão nacional.

Preços checados em julho de 2017.

    Comer e beber

    • 2009 - Vencedor

      Crepe COMER & BEBER .

      No ano passado, o charmoso restaurante mudou de endereço para ganhar mais espaço. Nada que tenha afetado o clima intimista que sempre qualificou a casa, vencedora do prêmio de o melhor crepe da cidade, categoria que estreia premiação de VEJA RIO em 2009. Velas iluminam o salão, decorado com mesinhas de mosaico e paredes lindamente pintadas com motivos da Bretanha, terra natal da famosa iguaria e do chef Alain Caro, que comanda a cozinha. Ele prepara os originais crepes bretões, feitos com trigo-sarraceno, o blé noir, em francês. O grão negro e sem glúten, típico daquela região do nordeste da França, serve de matéria-prima para as galletes, crepes de massa salgada que chegam à mesa fininhos e crocantes, em recheios como queijo de cabra, figos caramelados ao vinho do Porto, presunto cru e farofa de nozes (R$ 47,00), seu carro-chefe. De sabor mais intenso, o pont-aven leva tartar bovino levemente passado na frigideira, shiitake, ovo e queijo pont-l’évêque (R$ 43,00). Para se sentir um autêntico bretão, harmonize com uma taça de sidra (R$ 13,00), espumante de maçã, uma dobradinha perfeita. Verdadeira tentação, a sobremesa de trouxinhas de crepe recheadas com sorvete de creme (R$ 28,00) vem em quantidade suficiente para ser compartilhada. Convide os amigos e divida a culpa.

      Fabio Codeço

    Comentários
    Deixe um comentário

    Olá,

    * A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

    Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

    Logotipo do WordPress.com

    Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

    Foto do Google

    Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

    Imagem do Twitter

    Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

    Foto do Facebook

    Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

    Conectando a %s