Clique e assine por apenas 4,90/mês

Casa Villarino

(Desde 1953)

Tipos de Bares: Bares variados

Veja Rio:

Endereço: Avenida Calógeras, 6 - Loja B - Centro - Rio de Janeiro - RJ ver no mapa

Telefone: (21) 22409634

Site: http://www.villarino.com.br

Horário:

segunda-feira 09:00 - 17:00

terça-feira 09:00 - 21:00

quarta-feira 09:00 - 21:00

quinta-feira 09:00 - 22:00

sexta-feira 09:00 - 22:00

sábado - Fechado

domingo - Fechado

Informações adicionais: Lugares/Capacidade total (74)

Resenha por Carol Zappa

Sobre o belo piso de pastilhas repousam finas mesas com tampo de mármore e cadeiras estofadas com couro vermelho. Nos fundos, chama atenção um grande painel com fotos de frequentadores das antigas. Ali estão Tom Jobim e Vinicius de Moraes, que se conheceram em uma das mesas da casa e, juntos, viriam a mudar a trajetória da música brasileira. Duas placas de órgãos do patrimônio recordam esse momento histórico. Ainda hoje, a clientela escolhe produtos na delicatessen, logo na entrada, que podem ser degustados por lá mesmo — é o caso do jamón serrano (R$ 45,00 a porção). Os bolinhos de aipim com carne-seca (R$ 21,00, oito unidades) ganharam a concorrência dos de feijoada, onipresentes, vendidos pelo mesmo preço. Sanduíches têm clientela fiel. Prove o de lombinho defumado com queijo, maionese, tomate e alface (R$ 21,00). Para beber, além do uísque, escolha preferida de Tom e Vinicius, há cerveja, nas marcas Brahma (R$ 13,00 o casco), Original (R$ 14,00), Serramalte (R$ 15,00) e Heineken (R$ 16,00). No almoço, o serviço executivo oferece pratos variados, acompanhados de suco e sorvete de creme, a R$ 38,00. 

    Sobre o belo piso de pastilhas repousam finas mesas com tampo de mármore e cadeiras estofadas com couro vermelho. Nos fundos, chama atenção um grande painel com fotos de frequentadores das antigas. Ali estão Tom Jobim e Vinicius de Moraes, que se conheceram em uma das mesas da casa e, juntos, viriam a mudar a trajetória da música brasileira. Duas placas de órgãos do patrimônio recordam esse momento histórico. Ainda hoje, a clientela escolhe produtos na delicatessen, logo na entrada, que podem ser degustados por lá mesmo — é o caso do jamón serrano (R$ 45,00 a porção). Os bolinhos de aipim com carne-seca (R$ 21,00, oito unidades) ganharam a concorrência dos de feijoada, onipresentes, vendidos pelo mesmo preço. Sanduíches têm clientela fiel. Prove o de lombinho defumado com queijo, maionese, tomate e alface (R$ 21,00). Para beber, além do uísque, escolha preferida de Tom e Vinicius, há cerveja, nas marcas Brahma (R$ 13,00 o casco), Original (R$ 14,00), Serramalte (R$ 15,00) e Heineken (R$ 16,00). No almoço, o serviço executivo oferece pratos variados, acompanhados de suco e sorvete de creme, a R$ 38,00.