Clique e assine por apenas 4,90/mês

Bip Bip

(Desde 1968)

Tipos de Bares: Bares variados

Veja Rio:

Endereço: Rua Almirante Gonçalves, 50 - - loja D - Copacabana - Rio de Janeiro - RJ ver no mapa

Telefone: (21) 22679696

Horário:

segunda-feira 20:00 - 01:00

terça-feira 20:00 - 01:00

quarta-feira 20:00 - 01:00

quinta-feira 20:00 - 01:00

sexta-feira 20:00 - 01:00

sábado 20:00 - 01:00

domingo 19:00 - 01:00

Informações adicionais: Lugares/Capacidade total (20)

A boa música tem lugar sagrado neste reduto um tanto peculiar. As poucas mesas e cadeiras disponíveis são reservadas aos músicos. Para não atrapalhar o som nem incomodar os vizinhos, as palmas foram abolidas e substituídas pelo estalar dos dedos. Quem aplaude leva bronca do dono do boteco, Alfredo Jacinto Melo, o popular Alfredinho. Detalhe: não há garçons. Os próprios
clientes buscam Heineken, Amstel, Itaipava e Eisenbahn (R$ 7,00 cada uma) diretamente na geladeira. E, ainda assim, há meio século o bar cultiva freguesia cativa. Tudo porque a seleção de músicos que se apresenta ali por simples prazer é tão espetacular que dá vontade de voltar toda semana. Na segunda e na terça tem choro, na quarta, bossa nova e, nos outros dias, samba. Apenas no sábado não há programação definida. Entre os poucos tira-gostos, a porção de bolinhos de bacalhau (R$ 20,00) deve ser esquentada no micro-ondas.

    A boa música tem lugar sagrado neste reduto um tanto peculiar. As poucas mesas e cadeiras disponíveis são reservadas aos músicos. Para não atrapalhar o som nem incomodar os vizinhos, as palmas foram abolidas e substituídas pelo estalar dos dedos. Quem aplaude leva bronca do dono do boteco, Alfredo Jacinto Melo, o popular Alfredinho. Detalhe: não há garçons. Os próprios
    clientes buscam Heineken, Amstel, Itaipava e Eisenbahn (R$ 7,00 cada uma) diretamente na geladeira. E, ainda assim, há meio século o bar cultiva freguesia cativa. Tudo porque a seleção de músicos que se apresenta ali por simples prazer é tão espetacular que dá vontade de voltar toda semana. Na segunda e na terça tem choro, na quarta, bossa nova e, nos outros dias, samba. Apenas no sábado não há programação definida. Entre os poucos tira-gostos, a porção de bolinhos de bacalhau (R$ 20,00) deve ser esquentada no micro-ondas.