Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Covid-19: quase 30 000 pessoas com 50 anos ou mais não se vacinaram no Rio

Repescagem ocorre ao longo do mês para este grupo, além de pessoas com deficiência, gestantes e puérperas. Rio tem 60% da população total vacinada

Por Luiza Maia 3 ago 2021, 13h19

Enquanto a vacinação contra a Covid-19 na cidade avança para as faixas etárias mais jovens, dados da Prefeitura do Rio apontam que 29 395 pessoas com 50 anos ou mais ainda não receberam a primeira dose da vacina.

+ Covid: Fiocruz alerta sobre tendência de alta na internação de idosos

O número maior de faltantes é observado entre idosos de 70 a 74 anos (12 440 pessoas), seguido da faixa de 80 anos ou mais (11 248) e pessoas de 50 a 59 anos (5 707).

Nas faixas de 60 a 69 anos e de 75 a 79 anos, a cobertura de quem recebeu pelo menos a primeira dose atingiu 100%. Já entre a população de 40 a 49 anos, são 36 691 que não foram imunizados na data prevista.

+Chegou a sua vez? Confira quem se vacina nesta semana no Rio

Diante este cenário, o cronograma de imunização prevê repescagem todos os dias para pessoas com 50 anos ou mais, à tarde. Pessoas com deficiência, gestantes e puérperas que perderam o dia previsto também podem comparecer aos postos nesta semana, no mesmo horário. 

Continua após a publicidade

Já as faixas de 40 e 30 anos terão uma nova chance somente após a vacinação com a primeira dose de toda a população adulta carioca, nos dias 19 a 21 de agosto.

+Covid-19: Rio tem vacinas para aplicação até quarta (4)

O Rio alcançou 60% da população total vacinada com a primeira dose ou dose única nesta terça (3), número que ultrapassa 4 milhões de pessoas. O índice é de 76,7% entre os adultos.

Quanto à segunda etapa da imunização, 26,7% da população carioca (quase 1,8 milhões) já completaram o ciclo vacinal, índice que equivale a 34,1% da população-alvo.

+Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

A campanha de vacinação segue nesta semana, de terça (3) a sábado (7) para pessoas de 31 a 27 anos. Cada dia é dedicado a uma faixa etária, com aplicação para as mulheres no período da manhã e homens à tarde. A prefeitura espera vacinar 400 000 pessoas neste período.

Continua após a publicidade
Publicidade