Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Copa América: Rio tem 50 casos da variante Gamma ligados ao torneio

Cidade concentrou 28% dos casos ocorridos da competição, sendo 38 em homens e 12 em mulheres

Por Redação 13 jul 2021, 16h19

Após oito jogos no Rio e 28 dias de Copa América no país, a capital fluminense registrou um total de 50 casos de Covid-19 ligadas à competição, o que representa 28% dos casos detectados nas quatro cidades-sede.

+Prefeitura multa CBF por testes falsos e aglomeração no Maracanã

No total, foram 10 314 exames realizados entre jogadores, membros das delegações e funcionários terceirizados ligados ao torneio. Dos 50 casos, 38 foram em homens e 12 em mulheres, segundo a Secretaria Municipal de Saúde.

No sequenciamento de amostras, todas as variantes encontradas foram a Gamma, conhecida como P.1, originária no Brasil – que é uma linhagem considerada de preocupação pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Isto é, com maior potencial de transmissão e de efeitos mais severos nos contaminados.

+Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

Continua após a publicidade
Publicidade