Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês
Vinoteca Por Marcelo Copello, jornalista e especialista em vinhos Marcelo Copello dá dicas sobre vinhos

A Tannat e seus taninos

Por Marcelo Copello   Uva tinta originária do sudoeste da França, da região de Mardiran, a Tannat, em 1870, foi levada ao Uruguai por imigrantes espanhóis e hoje é a principal uva e símbolo dos vinhos do país. O nome Tannat já diz, a Tannat é cheia de taninos, substância que vem principalmente da casca […]

Por marcelo Atualizado em 25 fev 2017, 18h49 - Publicado em 16 jan 2014, 17h50

Por Marcelo Copello

 

Uva tinta originária do sudoeste da França, da região de Mardiran, a Tannat, em 1870, foi levada ao Uruguai por imigrantes espanhóis e hoje é a principal uva e símbolo dos vinhos do país.

O nome Tannat já diz, a Tannat é cheia de taninos, substância que vem principalmente da casca da uva tinta e que seca a boca, dá aquele travo.

 

Tannat

Continua após a publicidade

 

Os Tannat normalmente não tem muitos aromas além de frutas negras e madeira, o forte destes vinhos é mesmo o paladar. Costumam ser vinhos encorpados, com taninos marcantes e boa acidez, o que os torna  vinhos que pedem comida, de preferencia uma boa carne vermelha.

O Tannat também costuma ser muito bom para a saúde, pois tem muitos polifenóis que são bons para a prevenção de doenças do coração.

Além da França e principalmente o Uruguai, o Brasil também tem bons Tannats.

 

Marcelo Copello (mcopello@simplesmentevinho.com.br)

Continua após a publicidade

Publicidade