Imagem Blog

Cervejinha

Por Blog
Da produção aos estilos, tudo que você precisa saber sobre o universo das cervejas especiais, por Carolina Barbosa
Continua após publicidade

Brassaria Ampolis é incorporada ao Grupo Petrópolis

Em parceria, a marca artesanal passa a compor o portfólio do grupo, que já conta com Black Princess, Petra e Weltenburger no segmento de especiais

Por Carolina Barbosa Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 16 nov 2017, 16h39 - Publicado em 16 nov 2017, 15h56

A exemplo do que já ocorre no mercado de cervejas, sobretudo quando uma marca ganha destaque e se torna representativa em volume de vendas, a cigana Brassaria Ampolis – chegada ao setor em 2013 sob investimento inicial de 20 000 reais – foi incorporada ao Grupo Petrópolis. Embora nenhuma das partes ainda assuma oficialmente a união, o assunto já corre nos bastidores do ramo e, inclusive, reuniões recorrentes têm sido feitas para chegar a um consenso de como será feito o anúncio e o alinhamento das estratégias.

Segundo fontes, a sociedade será nos mesmos moldes da sul-africana Miller (do gruo SAB Miller) e da alemã Weltenburger, com parceria na produção, envase e distribuição/vendas.  A transferência de brassagens da Ampolis para a fábrica de Teresópolis, a única planta da companhia que produz rótulos premium, está prevista para o início de março de 2018. No entanto, o comando da marca segue “independente”.

Com isso, a artesanal carioca passa a integrar o portfólio da terceira maior cervejaria do país, que inclui nomes como Petra, Black Princess e Weltenburger Kloster, além de Itaipava, Crystal e Lokal, no segmento popular.

A união tem tudo a ver com a proposta da Ampolis, que já em 2016 anunciava sua estratégia de expandir as vendas para o exterior, inicialmente Estados Unidos (e posteriormente Canadá, Portugal e Angola), e tinha previsão de crescimento de 500% até o fim daquele ano. A marca foi fundada por Sandro Gomes em homenagem ao pai, Antônio Carlos Bernardes Gomes (1941-1994), intérprete do humorista Mussum, em sociedade com Diogo Mello e Leonardo Costa. Atualmente, dispõe de quatro rótulos: a pioneira Biritis (vienna lager), além de Cacildis (premium lager), Ditriguis (witbier) e Forévis (session ipa).

Procuradas, as assessorias da Ampolis e do Grupo Petrópolis não quiseram se pronunciar.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe mensalmente Veja Rio* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de Rio de Janeiro

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.