Continua após publicidade

Vereadores são a favor de medida para criar ‘moeda social’ no Rio

Exemplo bem-sucedido de Maricá é citado pelo prefeito Eduardo Paes para a votação na Câmara Municipal

Por Redação
19 mar 2024, 11h38

O projeto de lei que cria a moeda social Carioquinha e o Banco Comunitário Popular na cidade, será votado em primeira discussão nesta terça (19), na Câmara Municipal. A proposta se volta ao desenvolvimento econômico em regiões de baixa renda, criando fundos solidários, cooperativas de crédito e incubadoras de empreendimentos que promovam o acesso de serviços financeiros.

+ É coisa nossa! Passinho vira patrimônio cultural imaterial do Rio

A Moeda Carioquinha seria um instrumento de troca em transações entre produtores, prestadores de serviços e consumidores dentro do município do Rio, fomentando um mercado alternativo entre vendedores ou prestadores de serviços e consumidores. A ideia é que a moeda opere como uma conta digital pré-paga, em formato de aplicativo no telefone ou cartão magnético, através do Banco Comunitário Popular, obedecendo a normativa do Banco Central.

Compartilhe essa matéria via:

Na justificativa, o prefeito Eduardo Paes citou o exemplo bem-sucedido de Maricá, onde a moeda social Mumbuca é o meio de pagamento de um benefício social equivalente a R$ 200,00 pago pela prefeitura a moradores de baixa renda, inscritos no Cadastro Único do Governo Federal.

Continua após a publicidade

+ Para receber VEJA RIO em casa, clique aqui

A moeda tem paridade com o real em valor, e mais de 13 mil estabelecimentos aceitam, com 80 mil contas correntes relacionadas. A iniciativa já injetou mais de R$ 1 bilhão na economia de Maricá até o ano passado.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe mensalmente Veja Rio* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de Rio de Janeiro

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.