Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Temporada de ipês: onde encontrar e fotografar as belas árvores no Rio

Floridos entre os meses de junho e novembro, os ipês estão presente em todas as regiões da cidade. Veja o roteiro

Por Luiza Maia 27 jul 2021, 16h36

No inverno, os ipês florescem e é grande a chance de cruzar com uma linda árvore florida e frondosa ao passear pelas ruas cariocas. Aliás, é difícil não reparar no destaque dos tons de rosa, roxo amarelo ou branco entre os edifícios.

Para identificar as árvores por todo o Rio, a prefeitura lançou, no último domingo (25), um roteiro com alguns dos pontos onde a espécie pode ser apreciada.

+ Sítio Burle Marx é reconhecido como patrimônio mundial pela Unesco

Organizada pela Fundação Parques e Jardins (FPJ), a lista inicial destacava 20 endereços da cidade. Com uma nova atualização, já são mais de 40 pontos. Segundo a FPJ, a meta agora é reunir mais de 100 indicações.

Em seguida, um concurso de fotografia deve ser lançado para reunir os melhores cliques dos ipês.

Os ipês são árvores caducifólias, ou seja, que perdem todas as suas folhas e permanecem somente com as flores, o que destaca sua coloração. Enquanto em julho florescem as espécies com flores roxas e cor-de-rosa, nos meses de agosto e setembro é a vez das cores amarelo e branco.

+ ArtRio vem aí: feira divulga galerias selecionadas para edição de 2021

A origem do nome é indígena e significa “casca dura”. Devido ao seu antigo uso para a produção de arcos de caça e defesa pelos povos originários, a árvore também é conhecida como “pau d’arco”.

Continua após a publicidade

Parte da lista da FPJ também corresponde a parques e locais turísticos do Rio, como o BioParque, na Quinta da Boa Vista, o Aterro do Flamengo e o Mirante Dona Marta, em Botafogo. Confira:

+ High Line carioca? Elevado Paulo de Frontin pode virar espaço de lazer

Centro

Rua São José – Buraco do Lume – Centro
Rua Uruguaiana – Centro
Rua Treze de Maio – Centro
Rua Presidente Antônio Carlos – Centro
Presidente Vargas – Estação Cidade Nova
Igreja N.S. da Salette – Catumbi

Zona Norte

Estacionamento da UERJ – Maracanã
BioParque do Rio – Quinta da Boa Vista
Rua Professor Darcy Ribeiro – Grajaú
Rua Miguel Angelo, 600 – Cachambi
Av. Dom Helder Câmara – Cachambi
Rua Oliveira Figueiredo – Vaz Lobo
Rua Leopoldo Bulhões – Manguinhos
Praça Copérnico – Pavuna
Rua Modigliani – Del Castilho
Entrada de serviço Carrefour – SULACAP
Rua São Felisberto – IAPI – Penha
Rua General Savaget – Marechal Hermes
Rua Ildelfonso Penalba – Méier

Zona Sul

Monumento aos Pracinhas – Parque do Flamengo
Aterro do Flamengo – Flamengo
Rua Paissandu – Flamengo
Largo do Machado – Laranjeiras
Praça Ben Gurion –  Laranjeiras
Rua Orsina da Fonseca – Gávea
Parque dos Patins – Lagoa
Mirante Dona Marta – Botafogo
Av. Borges de Medeiros – Jardim Botânico

Zona Oeste

Estação BRT Pontões Barra Sul – Barra da Tijuca
Barra Bali – Av. das Américas – Barra da Tijuca
Alameda Sandra Alvim – Recreio
Rua Rabino Henrique Lemle – Recreio
Rua Venâncio Veloso – Recreio
Rua Pau-Ferro – Freguesia
Rua Franz Post – Frequesia
Rua Lívia Barreto – Tanque
Estrada Grajaú – Jacarepaguá
Rua Padre Ventura – Taquara
Estrada de Curicica, 1224 – Curicica
Rua União da Vitória – Campo Grande
Rua Itaúnas – Campo Grande
Rua André Gonçalves – Campo Grande

+ Para receber VEJA Rio em casa, clique aqui

Caso garanta uma foto em um desses locais – ou até mesmo em pontos que não constam no roteiro – você pode publicar e marcar no Instagram a @fpjoficial com a tag #roteirodosipes. Além disso, fique à vontade para marcar na publicação no Instagram a tag #vejario, para ter chance de ver seu clique também no perfil de VEJA RIO (@vejario) na rede social.

Continua após a publicidade

Publicidade