Continua após publicidade

Prefeitura não renova contratos com ONGs que tocam academias da 3ª idade

Atraso no repasses foi principal causa para fim do serviço na Praça da Cruz Vermelha e outros locais

Por Redação VEJA RIO Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 19 jul 2018, 14h02 - Publicado em 19 jul 2018, 14h02

Screen Shot 2015-06-29 at 3

As ONGs Dom Pixote e Ipse não tiveram renovados pela prefeitura os contratos que assinaram para oferecer o projeto Rio Ar Livre, de academias de terceira idade. A informação foi divulgada nesta quinta (19) pelo G1.

Até outubro, a Dom Pixote atendia 300 praças, mas teve de encerrar as atividades por conta de atrasos no repasse de verbas. Em janeiro, a Ipse assumiu a operação, mas teve de abandoná-la em abril pelo mesmo motivo que a entidade anterior.

Cerca de 400 funcionários das duas organizações estão com salários atrasados e não receberam os valores relativos a suas demissões. As praças do Lido, em Copacabana e da Cruz Vermelha, no Centro foram alguns dos locais prejudicados com o fim da iniciativa.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Tudo o que a cidade maravilhosa tem para te
oferecer.
Receba VEJA e VEJA RIO impressas e tenha acesso digital a todos os títulos Abril.
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe mensalmente Veja Rio* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de Rio de Janeiro

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.